Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do treinamento aeróbio no fator de crescimento endotelial vascular (VEGF), funções cognitivas e funcionalidade motora na Doença de Alzheimer

Processo: 12/21286-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2013
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Educação Física
Pesquisador responsável:Ruth Ferreira Santos-Galduroz
Beneficiário:Thays Martins Vital
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Treinamento aeróbio   Exercício físico   Doença de Alzheimer

Resumo

Mudanças no fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) parecem ter uma relação com a doença de Alzheimer (DA). Evidências na literatura apontam que a prática de exercício físico é uma importante ferramenta não farmacológica na DA. Assim o objetivo deste estudo foi dividido em duas partes, Parte 1: Comparar os níveis séricos de VEGF antes e após uma sessão de exercício agudo em idosos preservados cognitivamente e em idosos com DA. Parte 2: Analisar e correlacionar os níveis séricos do VEGF, funções cognitivas e funcionalidade motora em idosos com DA após doze semanas de treinamento aeróbio. Para tanto, na Parte 1, participarão deste estudo 80 idosos, sendo 40 idosos preservados cognitivamente e 40 idosos com DA. Na Parte 2, somente os idosos com DA participarão do protocolo de intervenção: 1) Grupo Treinamento (GT-n=20); 2) Grupo Controle (GC-n=20). Todos os idosos serão submetidos a um protocolo de avaliação, o qual consiste em avaliação cognitiva e motora, de nível de atividade física, Teste Incremental e coleta sanguínea para obtenção do VEGF, variáveis metabólicas e lactato. O protocolo de treinamento aeróbio será realizado na esteira, três vezes por semana, a sobrecarga será feita a cada três semanas com um incremento de cinco minutos no tempo do treinamento, o mesmo iniciará com 25 minutos e será finalizado com 40 minutos. Para análise dos dados será verificada a distribuição dos dados por meio do teste de Shapiro Wilk. Para os dados paramétricos serão utilizados o teste t de student, ANOVA Two-Way, teste de Correlação de Pearson e Post-hoc de Tukey, para os não paramétricos serão realizados os testes de U Mann Whitney, Wilcoxon, e correlação de Spearman. Será admitido um nível de significância de 5% para todas as análises. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VITAL, THAYS MARTINS; STEIN, ANGELICA MIKI; DE MELO COELHO, FLAVIA GOMES; ARANTES, FRANCIEL JOSE; TEODOROV, ELIZABETH; SANTOS-GALDUROZ, RUTH FERREIRA. Physical exercise and vascular endothelial growth factor (VEGF) in elderly: A systematic review. ARCHIVES OF GERONTOLOGY AND GERIATRICS, v. 59, n. 2, p. 234-239, . (12/21286-7)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.