Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da interação das células-tronco mesenquimais e linfócitos no modelo da doença do enxerto versus hospedeiro

Processo: 12/02197-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Luciana Cavalheiro Marti
Beneficiário:Marilia Normanton
Instituição Sede: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEPAE). Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE). São Paulo , SP, Brasil
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:graft versus host desease | lymphocytes | Mesenchymal stem cell | Imunologia

Resumo

Uma das principais complicações inerentes ao transplante de células-tronco hematopoiéticas (HSCT) é a doença do enxerto versus hospedeiro (GVHD). A GVHD é um ataque imuno-mediado aos tecidos do receptor pelas células T do doador contidas no transplante, responsável por 15-30% das mortes que ocorrem após HSCT alogeneicas (Ferrara, 2009). Apesar dos recentes avaços para reduzir a incidência de GVHD através de alternância de regimes profiláticos e reduzindo a intensidade do condicionamento prioritário, tratamentos efetivos para a GVHD são poucos (Bleakley e Riddell, 2004;. Ringden et al, 2009). Recentemente, o potencial imuno-regulatório de MSCs tornou-se o foco de estudos e tem-se observado que MSC suprimem a inflamação por inibir a proliferação de células T, representando um novo tratamento para GVHD. Le Blance et al. descreveram um relato de caso de paciente com GVHD severa que recebeu infusão contendo MSC em 2004, após duas infusões, a GVHD do paciente melhorou dramaticamente e nenhum efeito adverso ocorreu. Em estudo de fase II realizado por um grupo europeu publicado no Blood and Marrow Transplantation, a taxa de resposta ao tratamento de GVHD com MSC foi maior que 70% e a eficiência do tratamento não estava relacionado ao grau de correspondência de HLA com o doador (Le Blanc, 2008). Mediante esse conhecimento, pretendemos investigar a ação da célula mesenquimal em linfócitos, através da determinação da expressão de fatores de transcrição relacionados com a diferenciação Th, a expressão de genes envolvidos em algumas vias de resposta linfocitária e da avaliação do seu perfil de ativação.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
NORMANTON, Marilia. Estudo da interação das células-tronco mesenquimais e linfócitos no modelo da doença do enxerto contra hospedeiro. 2014. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina (FM/SBD) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.