Busca avançada
Ano de início
Entree

Ecologia espacial de canídeos silvestres em paisagem silvicultural no estado de São Paulo

Processo: 11/22910-3
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 16 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Plínio Barbosa de Camargo
Beneficiário:Thaís Rovere Diniz Reis
Instituição Sede: Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/60954-4 - Mudanças socioambientais no estado de São Paulo e perspectivas para a conservação, AP.BTA.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):15/15110-1 - A cadeia alimentar do lobo-guará em paisagem agrícola revelada por isótopos estáveis, BE.EP.DR
Assunto(s):Eucalipto   Ecologia trófica   Mamíferos   Carnívoros
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Carnívoros | Ecologia Trófica | Eucalipto | Mamíferos | Ecologia Trófica

Resumo

Com a transformação das áreas nativas em paisagens formadas por grandes áreas de monoculturas exóticas comerciais, houve uma drástica mudança dos ambientes acarretando a extinção de numerosas espécies silvestres. Apesar disso, um número considerável de espécies ainda sobrevive nessas novas paisagens. O conhecimento de como os animais habitam essas áreas, e principalmente como utilizam as matrizes exóticas, ainda é precário, isto é, se somente atravessam a matriz entre os remanescentes nativos ou se também a usam como habitat. Sabe-se, porém, que sua conservação depende do manejo adequado destas áreas, que deve incorporar tanto o componente comercial como a conservação da biodiversidade. Com a escassez de tempo e recursos para estudos que embasem planos de manejo mais conservacionistas, é necessário selecionar espécies-chave, como, por exemplo, os canídeos silvestres (Ordem Carnivora), e locais com histórico de uso do solo representativos, como Angatuba (SP), que é representativa da exploração espaço-temporal do estado de São Paulo. Assim, o objetivo principal dessa tese é analisar os padrões de uso de espaço por três espécies de canídeos silvestres em uma paisagem silvicultural desse estado paulista. Para isso utilizar-se-ão os métodos de radiotelemetria, para identificação de área de vida e deslocamento espaço-temporal nos diversos ambientes da paisagem, e de análise isotópica de tecidos desses predadores, o que permite a reconstrução alimentar histórica de presas provindas dos diversos ambientes da paisagem agrícola.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)