Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos de diferentes frações inspiradas de oxigênio sobre o índice biespectral, em coelhos submetidos à anestesia inalatória com isofluorano ou sevofluorano, mantidos em ventilação espontânea

Processo: 12/05048-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 30 de abril de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Pesquisador responsável:Newton Nunes
Beneficiário:Fabiana Del Lama Rocha
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Cirurgia veterinária   Anestesiologia   Medicação pré-anestésica   Isoflurano   Análise descritiva de perfil livre

Resumo

As altas concentrações de O2 estão frequentemente correlacionadas com a formação de áreas de atelectasia, a qual atualmente é uma das principais preocupações dos anestesiologistas. Neste contexto, esta complicação pulmonar pode ser encontrada em animais que respiram de 80 a 100% de oxigênio. Sendo assim, objetiva-se determinar entre frações inspiradas de oxigênio (FiO2) de 1,0; 0,8; 0,6 ou 0, 21, possíveis efeitos sobre o índice biespectral (BIS), em coelhos anestesiados com isofluorano ou sevofluorano. Serão utilizados 64 coelhos da raça Nova Zelândia, distribuídos em 8 grupos (n=8), diferenciados pelo anestésico inalatório a ser administrado e pela FiO2. Aos animais do GI100, GI80, GI60 e GI21 administrar-se-ão as concentrações de oxigênio (O2) de 100%, 80%, 60% e 21%, respectivamente, e a anestesia será mantida com isofluorano, ao passo que os coelhos dos grupos GS100, GS80, GS60 e GS21 serão submetidos à FiO2 de 1,0; 0,8; 0,6 e 0,21, respectivamente, e durante o protocolo anestésico será utilizado o sevofluorano. Na indução anestésica, utilizar-se-á o isofluorano ou sevofluorano, ambos a 2,5 CAM, diluído em fluxo total de 1L/min de oxigênio a 100%. Após intubação orotraqueal dos animais, reajustar-se-á o vaporizador para 1,5 CAM de isofluorano ou de sevofluorano e a FiO2 será conforme o determinado para cada grupo. Após preparo dos animais, a concentração do anestésico inalatório será de 1,0 CAM. Em todos os grupos os parâmetros do BIS serão mensurados trinta minutos após a indução anestésica (M0). As demais colheitas serão realizadas em intervalos de 15 minutos, por um período de 60 minutos (M15, M30, M45 e M60, respectivamente). Empregar-se-á a análise de perfil (p d 0,05) para avaliação estatística dos dados obtidos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)