Busca avançada
Ano de início
Entree

Francis Alÿs e as possibilidades de criação na metrópole contemporânea.

Processo: 12/04195-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 30 de junho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Paisagismo
Pesquisador responsável:Vera Maria Pallamin
Beneficiário:Clara Barzaghi de Laurentiis
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Arte contemporânea   Metrópoles   Paisagem

Resumo

Este projeto de pesquisa pergunta pelos novos modos de percepção do espaço e da paisagem, focalizando-se na poética visual do artista Francis Alÿs (1959 -), que nasceu na Bélgica e, atualmente, vive na capital federal do México. Sua produção artística problematiza a condição da Cidade do México, comum a outras metrópoles latino-americanas, e caracteriza-se por práticas espaciais que possibilitam novas formas de relação com a cidade, rompendo com o sistema de signos acerca da organização das cidades modernas.O processo criativo de Alÿs tem como uma de suas principais características o ato de caminhar pela cidade, que permite a interação com o espaço urbano numa esfera micro, de forma que a cidade se torna objeto fundamental na criação de um campo de estímulos e afetos e, consequentemente, de novos espaços. O artista encontra na metrópole um espaço de possibilidades para a criação de uma cidade imagética, não pautada pela racionalidade do urbanismo, criando movimentos que escapam à lógica das cidades institucionalizadas.Assim, a pesquisa terá como foco a compreensão da produção artística de Alÿs, no contexto da arte contemporânea mundial, enquanto potência ativa na criação de novas formas de relação com o espaço.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)