Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da biodisponibilidade e efeitos anti obesidade do extrato aquoso de ilex paraguariensis antes e após a reação de biotransformação enzimática

Processo: 12/00072-9
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Marcelo Lima Ribeiro
Beneficiário:Luciane Ferreira de Lima
Instituição Sede: Universidade São Francisco (USF). Campus Bragança Paulista. Bragança Paulista , SP, Brasil
Assunto(s):Nutrigenômica   Obesidade   Biotransformação   Biodisponibilidade   Modelo experimental   In vivo   Ilex paraguariensis
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:biotransformação | Ilex paraguariensis | obesidade | Nutrigenômica

Resumo

A obesidade é hoje um problema emergente de saúde pública, principalmente pelo fato desta estar associada com diversas condições como a hipertensão, dislipidemia, aterosclerose, resistência à insulina e diabetes. Acredita-se que o sedentarismo e os hábitos nutricionais parecem representar o principal fator de risco no desenvolvimento da obesidade. Atualmente, diversas estratégias são utilizadas visando à redução de peso corporal, como o uso de suplementos alimentares naturais. Neste sentido os trabalhos realizados pelo nosso grupo de pesquisa têm contribuído para os avanços no conhecimento das propriedades funcionais da erva-mate, indicando um potente efeito na inibição da adipogênese. Embora os resultados obtidos previamente pareçam promissores, inúmeros estudos clínicos em animais e em humanos têm estabelecido duas evidências claras no que diz respeito aos polifenóis da dieta: 1. Possuem um alto potencial de exercer efeitos benéficos, em especial relativos às suas propriedades antioxidantes, como o câncer, 2. Possuem uma baixa capacidade de absorção. Os estudos mais recentes apontam que a principal limitação na biodisponibilidade dos polifenóis é relativa à sua capacidade de absorção no lúmen intestinal, em especial devido ao alto peso molecular e a alta polaridade da estrutura de alguns destes compostos. Desse modo, o presente projeto propõe avaliar a biodisponibilidade, in vivo, do extrato aquoso de Ilex paraguariensis antes e após a reação de biotransformação enzimática, e verificar os efeitos funcionais do extrato biotransformado em modelo experimental de obesidade.(AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)