Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito de diferentes massas de água nas classes de tamanho da biomassa fitoplanctônica na região de desembocadura da baía do Araçá (canal de São Sebastião - SP) durante o verão e inverno de 2012

Processo: 11/14984-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Biológica
Pesquisador responsável:Aurea Maria Ciotti
Beneficiário:Ana Luíza de Faria Peres
Instituição Sede: Centro de Biologia Marinha (CEBIMAR). Universidade de São Paulo (USP). São Sebastião , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/50317-5 - Biodiversidade e funcionamento de um ecossistema costeiro subtropical: subsídios para gestão integrada, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Baía do Araçá
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Acas | Baía do Araçá | clorofila-a | sistemas frontais | tamanho fitoplanctônico | Ecologia do Fitoplâncton Marinho

Resumo

A biomassa do fitoplâncton em águas costeiras é amplamente regida pelas condições hidrográficas locais, já que alterações destas propiciam diferentes condições nutritivas e luminosas para o crescimento desses organismos. Além disso, a hidrodinâmica local e o tempo de residência de massas de água interferem na distribuição espacial e permanência da comunidade planctônica no local. O canal de São Sebastião e a baía do Araçá apresentam elevada importância ecológica e econômica, porém existem poucos estudos sistemáticos disponíveis, principalmente sobre os produtores primários na região. Há evidência de duas forçantes principais modificando as características hidrológicas do Canal de São Sebastião que potencialmente alterariam a estrutura das comunidades fitoplanctônicas presentes. Estas envolvem a entrada de nutrientes por intrusões de Água Central do Atlântico Sul (ACAS), frequentes durante os meses de verão e a passagem de sistemas atmosféricos frontais mais intensas e freqüentes, durante os invernos. Alterações na hidrodinâmica do canal podem modificar o fluxo das águas entre o canal e as baías costeiras, como a baía do Araçá, com implicações ecológicas importantes. O presente trabalho visa estimar a variação espaço/temporal da biomassa fitoplanctônica, em três classes de tamanho (pico, nano e microfitoplâncton) e relacionar estes resultados com a presença de massas de água distintas no canal de São Sebastião e com a passagem de sistemas frontais na região. Este estudo contribuirá para o melhor entendimento da dinâmica das comunidades fitoplanctônicas além de oferecer subsídios para projetos futuros sobre a sua diversidade na região.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PERES, Ana Luíza de Faria. Efeito de diferentes massas de água nas classes de tamanho da biomassa fitoplanctônica na região de desembocadura da baía do Araçá (Canal de São Sebastião - SP) durante o verão e inverno de 2012. 2013. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (PCARP/BC) Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.