Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização do perfil de fatores de virulência nas Escherichia coli isoladas do útero após o parto e sua relação com a microbiota uterina presente na segunda semana pós-parto em vacas holandesas

Processo: 11/15852-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Eunice Oba
Beneficiário:Luana de Cássia Bicudo
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Trueperella pyogenes   Escherichia coli   Fatores de virulência   Infecções bacterianas   Bovinos

Resumo

O estudo será conduzido em 60 (sessenta) vacas HPB com histórico produtivo e reprodutivo isento de complicações. Como critério de inclusão os animais devem estar na segunda ou terceira ordem de parição, após 24 horas do parto normal, tendo eliminado a placenta até 12 horas após a parição. Decorridos 24 horas do parto será realizado exame ultrassonográfico do sistema reprodutivo, com ênfase aos achados uterinos. Destes animais serão colhidas, em condições de assepsia, amostras da secreção loquial (Momento I) visando-se realizar o cultivo microbiológico e o teste "in vitro" de sensibilidade microbiana (antibiograma). Serão colhidas ainda amostras para a confecção de esfregaços da secreção loquial para posterior coloração específica e realização da tipificação celular (citologia uterina). O período pós-parto será monitorado quanto às intercorrências e alterações a esfera reprodutiva e produtiva. Decorridos quatorze dias da parição (Momento II), serão repetidos os exames ultrassonográficos do sistema reprodutivo, com ênfase aos achados uterinos. Serão colhidas amostras da secreção uterina visando à realização do cultivo microbiológico e antibiograma dos isolados, nas mesmas condições supracitadas. Simultaneamente, serão elaborados esfregaços da secreção uterina para posterior coloração específica e realização da tipificação celular (citologia uterina). Amostras de sangue serão coletadas, 24h (Momento I) e 14 dias (Momento II) após o parto, de cada vaca participante do experimento, para a caracterização da capacidade fagocítica dos neutrófilos e realização de hemograma. O material obtido para a realização dos exames microbiológicos (Momentos I e II) será submetido ao cultivo bacteriano (aeróbico e anaeróbico) e micológico. Nas linhagens de Escherichia coli isoladas serão investigados diferentes fatores de virulência (pilis, adesinas, citolisinas). Objetiva-se estabelecer relação entre a os fatores de virulência das E. coli isoladas do útero das vacas 24 horas após a parição, com a presença de Archanobacterium pyonenes e bactérias anaeróbicas no ambiente uterino na segunda semana pós-parto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BICUDO, LUANA DE CASSIA; OBA, EUNICE; BICUDO, SONY DIMAS; LEITE, DOMINGOS DA SILVA; SIQUEIRA, AMANDA KELLER; DE SOUZA MONOBE, MARINA MITIE; NOGUEIRA, MEGHI; DE FIGUEIREDO PANTOJA, JOSE CARLOS; PAGANINI LISTONI, FERNANDO JOSE; RIBEIRO, MARCIO GARCIA. Virulence factors and phylogenetic group profile of uterine Escherichia coli in early postpartum of high-producing dairy cows. ANIMAL PRODUCTION SCIENCE, v. 59, n. 10, p. 1898-1905, 2019. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BICUDO, Luana de Cássia. Perfil de fatores de virulência das Escherichia coli isoladas do útero de vacas holandesas após o parto e sua relação com a microbiota uterina. 2014. 115 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.