Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação de alcalóides beta-carbolinas, triptaminas presentes na ayahuasca (Santo Daime)em amostras de suor.

Processo: 11/13957-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Pesquisador responsável:Bruno Spinosa De Martinis
Beneficiário:Lidiane Silva Tavares
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Harmina   Ayahuasca   Harmalina   Suor

Resumo

Os alcaloides ²-carbolinas harmina e harmalina, e o potente alucinógeno N,N-dimetiltriptamina são componentes típicos da ayahuasca, uma bebida típica muito utilizada em rituais religiosos na América do Sul.Atualmente o uso da ayahuasca se espalhou para fora da América do Sul. Em grupos religiosos o uso do chá foi estabelecido nos Estados Unidos e em vários países europeus. Devido ao aumento no consumo desta bebida, é importante a utilização de métodos analíticos validados na rotina laboratorial.O presente projeto tem como objetivo desenvolver e validar método para a determinação dos componentes da Ayahuasca em amostras de suor. A extração das amostras de suor serão realizadas através da extração em fase sólida modificada, e analisadas por cromatografia gasosa com detector de nitrogênio/fosforo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TAVARES, Lidiane Silva. Investigação de alcaloides ß-carbolinas, Triptaminas presentes na Ayahuasca (Santo Daime) em amostras de suor. 2014. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (PCARP/BC) Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.