Busca avançada
Ano de início
Entree

Educação bilíngue para surdos e educação inclusiva: investigando o processo de formação continuada e inicial de professores

Processo: 11/19109-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Ana Claudia Balieiro Lodi
Beneficiário:Carla Cristina Johansen
Instituição Sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Educação inclusiva   Educação de pessoas com deficiência auditiva   Formação de professores   Língua Brasileira de Sinais   Bilinguismo
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Educação de surdos | educação inclusiva | formação de professores | Educação de Surdos

Resumo

As políticas nacionais que norteiam a educação inclusiva (BRASIL, 2007, 2008), consolidam a obrigatoriedade da matrícula de todos os alunos na rede regular de ensino. Por outro lado, foram elaboradas políticas que se atentam para a educação do aluno surdo, especificamente a Lei 10.436/02, que reconhece Língua Brasileira de Sinais (Libras) como sistema lingüístico de expressão e comunicação das comunidades surdas e o Decreto 5.626/05 que a regulamenta e institui o direito dos surdos à educação bilíngue, uma educação que considera a Libras como primeira língua para o surdo e a Língua Portuguesa em sua modalidade escrita como segunda. Segundo estes documentos, o professor deve ter uma sólida formação inicial e um processo formativo constante de reflexão sobre sua prática educativa e muitas pesquisas produzidas reafirmam a importância da formação continuada. O grupo de estudos "Ensino de português como segunda língua para surdos" em desenvolvimento na Universidade de São Paulo (USP) - campus Ribeirão Preto, tem se constituído como um espaço voltado à esta formação, na medida em que dele participam docentes da rede pública de ensino que atuam na educação inclusiva bilíngue para surdos e professores em formação inicial - aluno do Curso de Pedagogia da USP. Com o objetivo de compreender a formação destes profissionais e os reflexos deste processo nas práticas realizadas em um projeto de educação inclusiva bilíngue para surdos, foi proposta esta Iniciação Científica, cujo objeto de estudo recai sobre os processos formativos em desenvolvimento no interior do referido grupo. Para tal, os dados serão coletados por meio de anotações realizadas pela proponente desta pesquisa e por intermédio de filmagem dos encontros do grupo. A análise dos dados, de cunho qualitativo, buscará definir os temas mais relevantes que emergem das discussões do grupo e como ocorre a articulação destas com as teorias que embasam a educação inclusiva, a educação bilíngüe para surdos e a formação de professores. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)