Busca avançada
Ano de início
Entree

Os planos diretores municipais do estado de São Paulo e a questão da mobilidade urbana: estudo de caso sobre algumas cidades de médio porte paulistas - município de Bauru

Processo: 11/08580-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2011
Vigência (Término): 31 de outubro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Planejamento Urbano e Regional - Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional
Pesquisador responsável:Renata Cardoso Magagnin
Beneficiário:Mariana Delbonis Do Prado
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Planos diretores   Planejamento territorial urbano   Planejamento de transportes   Produção do espaço urbano   Mobilidade urbana   Transporte urbano   Transporte coletivo   Bauru (SP)

Resumo

As cidades brasileiras têm reproduzido ao longo dos anos um modelo de circulação que está causando a redução dos índices de mobilidade e acessibilidade (inclusive nas cidades médias), pois está pautado no transporte individual motorizado (automóvel). A dependência neste modo de transporte tem gerado degradação ambiental, aumento no tempo dos congestionamentos, aumento no número de acidentes de trânsito, entre outros problemas urbanos. A melhoria das condições de mobilidade nas cidades, com o consequente aumento da qualidade de vida urbana, está relacionada à adoção de medidas específicas de gestão dos transportes. Entre essas medidas estão: incentivo ao transporte público em detrimento ao privado, implantação de legislação que regule a circulação do transporte público e privado, que estabeleça critérios para a construção e manutenção do sistema viário, e que incentive a utilização de modos de transportes mais sustentáveis, dando prioridade aos modos não-motorizados e coletivos. Além disso, a diminuição na dependência do automóvel está diretamente associada à re-organização do espaço urbano, ou seja, à adoção de uma nova política de planejamento do uso do solo vinculada ao planejamento dos transportes (incorporando a visão da mobilidade urbana sustentável). Neste sentido, esta pesquisa tem como objetivo investigar como o Município de Bauru (cidade de médio porte paulista) abordou a questão da mobilidade urbana na elaboração de seu Plano Diretor Municipal e assim tentar identificar se ele incorporou neste Plano os principais problemas de mobilidade da cidade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)