Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de segurança alimentar e nutricional associada à expansão da produção de cana-de-açúcar

Processo: 11/10510-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2011
Vigência (Término): 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Convênio/Acordo: CNPq - Pronex
Pesquisador responsável:Jurandir Zullo Junior
Beneficiário:Brunna Isabela Constantino Martelli
Instituição-sede: Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (CEPAGRI). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/58160-5 - Geração de cenários de produção de álcool como apoio para a formulação de políticas públicas aplicadas à adaptação do setor sucroalcooleiro nacional às mudanças climáticas, AP.PFPMCG.TEM
Assunto(s):Etanol   Açúcar   Mudança climática

Resumo

A disponibilidade de alimentos suficientes para toda a população é a primeira dimensão da segurança alimentar e nutricional (SAN) que pode ter um impacto direto com a expansão do setor sucroalcooleiro provocado pelas mudanças climáticas, pois o plantio de cana-de-açúcar poderá substituir as áreas plantadas com culturas alimentares por critérios econômicos (demanda e preços elevados do álcool), de infraestrutura (para aproveitar as condições técnicas e humanas já existentes nas regiões produtoras) ou pela dificuldade de ocorrer em novas fronteiras agrícolas (por restrições ambientais ou de infraestrutura), podendo comprometer a soberania alimentar nacional. Por outro lado, o aumento de áreas agrícolas produtivas com cana-de-açúcar poderá aumentar a oferta de trabalho e a geração de renda para a população, favorecendo o acesso aos alimentos e a garantia da segurança alimentar e nutricional, desde que eles estejam disponíveis. A redução na disponibilidade de alimentos poderá elevar seus respectivos preços e tornar a sua produção economicamente atraente. A obtenção da segurança alimentar e nutricional (SAN) é, portanto, uma questão de equilíbrio entre, principalmente, fatores demográficos (tamanho, localização e distribuição etária e de gênero da população), nutricionais (necessidades alimentares da população e aproveitamento biológico dos alimentos), econômicos (disponibilidade de renda para acesso digno aos alimentos) e agrícolas (capacidade de produção de alimentos). Este assunto tem sido muito discutido entre governantes, instituições e especialistas de vários países do mundo, não havendo, ainda, um consenso sobre o mesmo. Devido à relevância deste tema, é fundamental obter dados mais significativos que embasem estas discussões e levem a conclusões mais práticas e úteis. Sendo assim, o objetivo deste projeto é apoiar, com levantamento e análise de dados, os estudos sobre as conexões entre a expansão do cultivo da cana-de-açúcar e a dinâmica demográfica no estado de São Paulo. Levantar e conhecer o estado da arte das pesquisas sobre mudanças climáticas relacionadas às alterações no uso da terra para agricultura e identificar as lacunas que necessitam de maior aprofundamento. Estes estudos deverão permitir pensar como e em que magnitude o aumento da área de ocorrência da cana-de-açúcar no Estado, dados os novos cenários climáticos esperados, poderá comprometer a segurança alimentar e nutricional da população, de forma a apoiar propostas de políticas públicas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)