Busca avançada
Ano de início
Entree

Variabilidade da Zona de Convergência Intertropical do Atlântico durante as estações seca e chuvosa da América do Sul tropical

Processo: 10/17224-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2011
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Adilson Wagner Gandu
Beneficiário:Ana Carolina Nóbile Tomaziello
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Meteorologia tropical   Convecção

Resumo

Durante o verão e início do outono austral, diversas regiões do Brasil sofrem períodos de intensa precipitação geralmente associados à Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) e à Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), respectivamente. A ZCAS atua sobre a região Sudeste, norte do Paraná e Brasil Central e a ZCIT majoritariamente sobre o leste da Amazônia (LAM) e o norte do Nordeste do Brasil (NNEB). Ambos os sistemas estão dentre os principais responsáveis por elevada quantidade de precipitação e estão interligados através de mecanismos associados a uma circulação do tipo Hadley. Desta forma, ZCAS e ZCIT devem possuir relações mútuas quanto a posicionamento e intensidade da convecção durante o verão austral e o início do outono, quando a ZCAS não está mais ativa e a ZCIT exerce sua maior influência sobre o NNEB e o LAM. Fenômenos de escala intrassazonal, como a Oscilação de Madden-Julian (OMJ), são importantes moduladores da precipitação sobre a América do Sul, possuindo influência na fase da ZCAS (ativa/inativa) e no posicionamento da ZCIT. Desta forma, o objetivo geral deste trabalho, do ponto de vista regional, é identificar relações entre o posicionamento da ZCIT e períodos de ZCAS ativa e inativa e entre as intensidades da atividade convectiva associada a tais sistemas. Pretende-se ainda identificar na ZCAS características que sirvam como preditoras da qualidade da estação chuvosa no NNEB (fevereiro a maio), que por sua vez está associada à ZCIT. Tal estudo será realizado a partir de análises estatísticas detalhadas. Com um modelo numérico da atmosfera pretende-se simular e analisar o impacto mútuo entre a convecção associada à ZCIT e à ZCAS. Do ponto de vista de teleconexões, o objetivo desta pesquisa é estudar influências da OMJ na precipitação sobre a América do Sul e especialmente no início/término da estação chuvosa no NNEB.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NOBILE TOMAZIELLO, ANA CAROLINA; CARVALHO, LEILA M. V.; GANDU, ADILSON W.. Intraseasonal variability of the Atlantic Intertropical Convergence Zone during austral summer and winter. Climate Dynamics, v. 47, n. 5-6, p. 1717-1733, . (10/17224-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.