Busca avançada
Ano de início
Entree

Três poderes: a arquitetura cívica paulista, 1950-1970

Processo: 10/13387-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Projeto de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Ruth Verde Zein
Beneficiário:Raquel Machado Marques Pereira
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Edifícios   Poder executivo   Poder judiciário   Poder legislativo

Resumo

O projeto de pesquisa compreende estudo sobre projetos de edifícios públicos para uso político-administrativo realizados nos anos 1950 a 1970, tendo como foco os conjuntos de edifícios públicos projetados, no ambiente paulista, para os três poderes, dentro dos processos de modernização socioeconômica e de intenso fomento do Estado de São Paulo a essas obras públicas. O objetivo geral da pesquisa é o estudo das obras de caráter cívico no Estado de São Paulo no período entre 1950 a 1970, entendidas como propostas que visam ativar a ideia do "coração da cidade", consolidando e abrindo novos caminhos para a produção da arquitetura moderna brasileira e participando da renovação dos centros urbanos em que se inserem. A pesquisa buscará estabelecer um panorama de projetos e obras através de um amplo levantamento de informações em várias fontes, sistematizadas de maneira a definir alguns grupos ou categorias de estudo, e que permitam analisar esses projetos de maneira crítica e referenciada, identificando e propondo hipóteses que possam colaborar na construção de critérios para a compreensão dessas obras da arquitetura cívica paulista. A análise das obras irá verificar as estratégias projetuais adotadas nesses projetos, estudar as inovações de conceitos e técnicas adotados em termos de estrutura, organização dos espaços, materialidade e outros aspectos relevantes, buscando compreender como essas propostas lidam com o tema da monumentalidade, examinando os arranjos compositivos de cada edifício e do conjunto, seus vazios, internos e externos, suas propostas paisagísticas e de integração com o entorno; bem como sua inserção urbana e de que maneira pretendem ativar essas áreas cívicas como "coração da cidade". Finalmente, vai se considerar seu valor atual como patrimônios histórico-culturais e urbanos, verificando seus usos atuais. A metodologia constará de pesquisa bibliográfica (livros, revistas, periódicos, etc.), pesquisa dos projetos originais com contatos em bibliotecas, centros de documentação, arquivos de arquitetos, arquivos municipais, etc.; visita a campo, fotografias, redesenho digital, análise dos projetos individualmente e entrevistas, analisando cada item aplicado aos objetivos específicos a serem atingidos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)