Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação de polimorfismos de geometria alar e de genes mitocondriais em Aedes scapularis (Diptera; Culicidae).

Processo: 10/14479-8
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 30 de setembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores
Pesquisador responsável:Lincoln Suesdek Rocha
Beneficiário:Vivian Aparecida Ramos Petersen
Instituição Sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Culicidae   Morfometria
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Culicidae | Morfometria | Culicidologia

Resumo

O mosquito Aedes scapularis pertence à família Culicidae (Diptera) e tem capacidade vetora para os vírus "rocio", "melão", "ilhéus" e da encefalite eqüina venezuelana, além de veicular vermes causadores de filarioses. Apesar de sua importância à saúde pública, esta espécie é pouco estudada quanto a variabilidade e estruturação populacionais. Há suspeita de que a espécie nominal constitua na realidade um complexo críptico. Considerando-se que a relação patógeno/vetor/hospedeiro é em geral espécie-específica, torna-se premente elucidar esta questão taxonômico-microevolutiva. Neste estudo será verificado se há diferenciação genético-morfológica entre três populações de Ae. scapularis e se a possível diferenciação é indicativa de táxons crípticos. Amostras populacionais serão provenientes dos municípios de Taubaté (SP), Dourado (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Serão empregados como marcadores biológicos o gene mitocondrial citocromo oxidase subunidade-1 (COI) e a geometria alar. Tais marcadores são tradicionalmente reconhecidos por terem alta resolução discriminante em estudos desta natureza. Espera-se assim com este projeto gerar mais conhecimento sobre a estrutura populacional da espécie Ae. scapularis, acerca da qual a literatura é tão escassa, a despeito de sua importância médica.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PETERSEN, VIVIAN; DEVICARI, MARIANA; SUESDEK, LINCOLN. High morphological and genetic variabilities of Ochlerotatus scapularis, a potential vector of filarias and arboviruses. PARASITES & VECTORS, v. 8, . (10/14479-8, 06/02622-5)
VIRGINIO, FLAVIA; DOMINGUES, VICTOR; GOMES DA SILVA, LETICIA CECILIA; ANDRADE, LUCAS; BRAGHETTO, KELLY ROSA; SUESDEK, LINCOLN. WingBank: A Wing Image Database of Mosquitoes. FRONTIERS IN ECOLOGY AND EVOLUTION, v. 9, . (11/18962-8, 06/05164-8, 10/15039-1, 06/02622-5, 10/14479-8, 13/05521-9, 07/01665-5)
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
PETERSEN, Vivian Aparecida Ramos. Caracterização de três populações de Ochlerotatus scapularis (Rondani, 1848) do eixo do Rio de Janeiro-São Paulo, utilizando marcadores genéticos e morfológicos.. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas (ICB/SDI) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.