Busca avançada
Ano de início
Entree

Em distantes paragens: demografia, riqueza, escravidão e mercado em Santa Rita do Turvo na segunda metade do Oitocentos.

Processo: 10/09873-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2010
Vigência (Término): 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História do Brasil
Pesquisador responsável:José Flávio Motta
Beneficiário:Fernando Antonio Alves da Costa
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Século XIX   Produção   Inventários   Abastecimento   Riqueza   Minas Gerais

Resumo

A pesquisa que propomos analisa Santa Rita do Turvo, localidade situada na Zona da Mata Mineira, na segunda metade do século XIX. Caracterizada, até 1850, como região habitada por lavradores de vida simples, produção de gêneros voltada para auto-consumo, reduzido padrão de posse de cativos e reduzida acumulação de riqueza, a localidade sofreu relevante dinamização de seus índices econômicos, demográficos e sociais. Tal alteração se deu principalmente em função de sua proximidade com a efervescente zona de produção cafeeira de Minas Gerais, desenvolvida principalmente a partir da segunda metade oitocentista, condição que passou a proporcionar vinculações comerciais entre Santa Rita do Turvo e a região cafeeira. Nossos objetivos são estudar a composição e a distribuição dos bens que compunham a riqueza dos habitantes da região, os níveis de concentração e acumulação desta riqueza, o universo do trabalho e da produção, os padrões de consumo e costumes, o processo técnico de produção, a evolução demográfica da localidade e à análise comparativa com outras regiões de Minas Gerais. Como resultado e em conjunto, o estudo dos objetivos acima definidos proporcionará o conhecimento da economia e da sociedade da localidade em questão, podendo evidenciar a dinamização pela qual passou no período analisado. O corpus documental que privilegiamos na pesquisa encontra-se no Fórum da cidade de Viçosa/MG e constitui-se de um relevante conjunto de 419 inventários post-mortem, que cobrem toda a segunda metade do século XIX, e de processos de divisão de terras. As listas nominativas de habitantes de Minas Gerais e o Recenseamento Geral do Império, que no território mineiro foi realizado no ano de 1873, também serão fontes consultadas, na medida em que oferecem importantes dados demográficos sobre a localidade em questão.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
COSTA, Fernando Antonio Alves da. Em distantes paragens: demografia, riqueza, escravidão e mercado em Santa Rita do Turvo na segunda metade do oitocentos. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH/SBD) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.