Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de critérios para a definição do tamanho e uso da zona de amortecimento do Parque Estadual Turístico do Alto da Ribeira (PETAR)

Processo: 08/07892-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Miguel Cooper
Beneficiário:Tatiana Francischinelli Rittl
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil

Resumo

As unidades de conservação (UC) são áreas com características naturais relevantes, com limites definidos e com o objetivo de proteção e preservação da natureza, sendo admitido apenas o uso indireto dos seus recursos naturais, o qual deve compatibilizar a conservação da natureza com o uso sustentável de parcela dos seus recursos naturais. As áreas em volta das UCs são estratégicas para a proteção da biodiversidade e para o desenvolvimento sustentável da população local. Entretanto, é necessário que haja restrições e limites ao uso e ocupação do solo nos locais da circunvizinhança, para reduzir a influência dos impactos negativos na biodiversidade das áreas protegidas. O objetivo do presente estudo é fornecer embasamento técnico para a determinação de critérios que definam a extensão, o uso, e a ocupação da zona de amortecimento do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR). Para isto serão elaborados critérios que definem: a) a extensão da zona de amortecimento e b) a utilização da zona de amortecimento. A definição da extensão da zona de amortecimento do PETAR basear-se-á na delimitação das microbacias hidrográficas cujos cursos de água drenam para dentro do parque e no grau de desmatamento do entorno próximo ao parque. Os critérios que definirão o uso e ocupação da paisagem na zona de amortecimento serão baseados no potencial de risco de erosão do solo e no aumento da fragmentação dos remanescentes florestais.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)