Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do comportamento defensivo de imobilidade tônica e da nocicepção após lesões restritas em estruturas do sistema cerebral aversivo.

Processo: 07/06549-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2007
Vigência (Término): 31 de agosto de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia
Pesquisador responsável:Christie Ramos Andrade Leite Panissi
Beneficiário:Eveline Bis Vieira Rasteli
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Neurofisiologia   Mecanismos de defesa

Resumo

O comportamento de imobilidade tônica (IT) é uma resposta defensiva inata, exibida pela presa quando o contato físico com o predador é prolongado e a situação inescapável. Esta resposta é caracterizada por profunda inibição motora e emitida em situação de medo intenso. Vários achados apontam o hipotálamo medial, colículo inferior, camadas profundas do colículo superior, amígdala e substância cinzenta periaquedutal (SCP) como estruturas fundamentais na modulação do comportamento emocional as quais compõem o sistema cerebral aversivo (SCA). Considerando que a IT é, portanto associada a situação de perigo intenso, estudos consistentes têm demonstrado que drogas que alteram os estados emocionais de medo e ansiedade interfere na emissão desta resposta. Reforçando assim, o caráter emocional deste comportamento defensivo associado a estados de medo e ansiedade. No estudo das respostas comportamentais defensivas evidências demonstram que a ativação simultânea de um sistema antinociceptivo é essencial para que o animal realize a resposta comportamental de defesa adequadamente. Isto porque no caso da ocorrência de lesões corporais durante os confrontos entre presa-predador, a emissão de comportamentos recuperativos pode interferir na resposta defensiva. Nesta perspectiva, alguns estudos sobre o substrato neural envolvido na modulação da resposta de IT demonstram que algumas estruturas do sistema nervoso central (SNC) podem regular simultaneamente a resposta de IT e a nocicepção. O objetivo deste trabalho é avaliar o efeito de lesões químicas (com ácido ibotênico) bilaterais nos núcleos medial e central da amígdala, no hipotálamo medial, nas camadas profundas do colículo superior e em distintas colunas funcionais da SCP de cobaias, sobre a resposta comportamental de IT e sobre a nocicepção avaliada pelo teste da placa quente. Ao final deste conjunto de experimentos acreditamos que poderemos construir um cenário mais claro do envolvimento sobre a ativação conjunta das diferentes áreas do SCA nas respostas defensivas e antinociceptivas.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIEIRA-RASTELI, EVELINE BIS; DE PAULA, BRUNA BALBINO; DE PAIVA, YARA BEZERRA; COIMBRA, NORBERTO CYSNE; ANDRADE LEITE-PANISSI, CHRISTIE RAMOS. Restricted lesions of the ventrolateral or dorsal columns of the periaqueductal gray promotes distinct effects on tonic immobility and defensive analgesia in guinea pigs. Physiology & Behavior, v. 194, p. 538-544, . (07/06549-3, 05/00096-1)
DE PAULA, B. B.; VIEIRA-RASTELI, E. B.; CALVO, F.; COIMBRA, N. C.; LEITE-PANISSI, C. R. A.. unctional activation of the periaqueductal gray matter during conditioned and unconditioned fear in guinea pigs confronted with the Boa constrictor constrictor snak. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 55, n. 1, . (12/03798-0, 02/13307-2, 07/06549-3, 17/11855-8, 02/01497-1, 04/10173-0, 05/00096-1)
VIEIRA, EVELINE BIS; MENESCAL-DE-OLIVEIRA, LEDA; ANDRADE LEITE-PANISSI, CHRISTIE RAMOS. Functional mapping of the periaqueductal gray matter involved in organizing tonic immobility behavior in guinea pigs. Behavioural Brain Research, v. 216, n. 1, p. 94-99, . (07/08122-7, 07/06549-3, 05/00096-1, 04/09642-6)
B.B. DE PAULA; E.B. VIEIRA-RASTELI; F. CALVO; N.C. COIMBRA; C.R.A. LEITE-PANISSI. Functional activation of the periaqueductal gray matter during conditioned and unconditioned fear in guinea pigs confronted with the Boa constrictor constrictor snake. Brazilian Journal of Medical and Biological Research, v. 55, . (04/10173-0, 17/11855-8, 05/00096-1, 12/03798-0, 02/13307-2, 07/06549-3)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.