Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação e avaliação de protótipo de sistema híbrido para membros superiores em tetraplégicos

Processo: 08/51589-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de junho de 2008
Vigência (Término): 30 de novembro de 2009
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica
Pesquisador responsável:Alberto Cliquet Junior
Beneficiário:Renato Varoto
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Terapia assistida por computador

Resumo

Em geral, indivíduos com disfunções motoras nos membros superiores apresentam dificuldades para executar a movimentação de objetos, a qual é essencial para a execução de suas Atividades de Vida Diária (AVDs). Desta forma, estes indivíduos não a executam ou a fazem de maneira ineficiente. Para que esta movimentação seja realizada de maneira satisfatória, fazem-se necessários os movimentos de alcance e preensão de objetos controlados voluntariamente pelo indivíduo, e também a aquisição sensorial da força empregada durante a preensão. Portanto, este trabalho propõe a aplicação e a avaliação da funcionalidade de um Sistema Híbrido visando à reabilitação parcial da capacidade sensoriomotora dos membros superiores de lesados medulares (tetraplégicos). Tal sistema engloba uma órtese híbrida, composta por uma Órtese Dinâmica para Cotovelo utilizada em conjunto com Estimulação Elétrica Neuromuscular (EENM), e uma Luva Instrumentada que possibilita a realimentação qualitativa de força ao usuário. A avaliação do Sistema Híbrido, baseada em testes clínicos, mostrará o desempenho do sistema com relação ao auxílio em AVDs que envolvem movimentos de alcance e preensão de objetos; e o envelope proporcionado pelo sistema. Sendo a Órtese Dinâmica para Cotovelo aplicada como Terapia Assistida por Robô, esta avaliação mostrará também o desempenho da terapia quanto ao possível ganho na atividade muscular - resultante da neuroplasticidade - referente às unidades motoras responsáveis pelos movimentos de extensão e flexão do cotovelo. Nesta avaliação serão utilizados: sistema de captura de imagens, e sensores de força e de ângulo para a caracterização dos movimentos. E, por meio dos exames de eletromiografia e dinamometria, será verificada a eficácia da terapia quanto à possibilidade de ocorrência de neuroplasticidade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
. Desenvolvimento e avaliação de um protótipo de sistema híbrido para membro superior de tetraplégicos. 2010. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Engenharia de São Carlos (EESC/SBD) São Carlos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.