Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterizacao funcional e estrutural de uma fosfolipase a2 acida toxica isdolada do veneno de bothrops moojeni.

Processo: 07/02022-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2007
Vigência (Término): 30 de abril de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Toxicologia
Pesquisador responsável:Andreimar Martins Soares
Beneficiário:Norival Alves Santos Filho
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Venenos de serpentes   DNA complementar

Resumo

Fosfolipases A2 (PLA2s; E.C.3.1.1.4) são enzimas, que catalisam especificamente a hidrólise de fosfolipídios na ligação éster do carbono 2, liberando lisofosfolipídios e ácidos graxos, em uma reação dependente de cálcio. Essas enzimas possuem uma grande variedade de efeitos farmacológicos e/ou tóxicos, como mionecrótico, anticoagulante, inibição de agregação plaquetária, neurotoxicidade, hipotensão arterial e indução de edema. O presente trabalho tem como objetivo a caracterização estrutural e funcional de uma fosfolipase A2 ácida tóxica isolada do veneno de Bothrops moojeni. O isolamento dessa enzima será realizado em três etapas cromatográficas (troca iônica, exclusão molecular e hidrofobicidade). A caracterização bioquímica dessa enzima será determinada por testes como a determinação do peso molecular e ponto isoelétrico. A caracterização enzimática se dará por meio da atividade fosfolipásica dose-dependente e efeitos da temperatura e pH sobre essa atividade. Outra atividade prevista será a modificação química de His-48 com BPB e o efeito de íons metálicos divalentes e EDTA sobre a atividade dessa enzima. A caracterização funcional será feita através das atividades anticoagulante, miotóxica, indução de edema e letalidade. Logo em seguida será realizada a caracterização estrutural dessa enzima, através da clonagem e seqüenciamento de cDNA, além da análise da sua estrutura primária (Clustal e Phylip). As fosfolipases A2 ácidas tóxicas possuem mecanismos de ação ainda não totalmente esclarecidos, e apresentam atividades farmacológicas que poderiam ser melhor estudadas e exploradas para futuras aplicações clínicas.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)