Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da atmosfera enriquecida de CO2 no crescimento, na alocação de biomassa e no metabolismo de frutanos de Vernonia herbácea (Vell.) Rusby

Processo: 05/52290-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2005
Vigência (Término): 30 de junho de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Maria Angela Machado de Carvalho
Beneficiário:Vanessa Fátima de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Botânica. Secretaria do Meio Ambiente (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:98/05124-8 - Conservação e uso sustentável da biodiversidade vegetal do Cerrado e da Mata Atlântica: o armazenamento de carboidratos e seu papel na adaptação e manutenção de plantas em seu habitat natural, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Vernonia   Metabolismo dos carboidratos   Frutanos   Atmosfera enriquecida em CO2   Sequestro de carbono   Mudança climática

Resumo

O seqüestro de carbono e sua alocação em biomassa são considerados ferramentas para a minimização dos danos causados pelo aumento do CO2 atmosférico. Plantas C3, sob altas concentrações de CO2, apresentam aumento da razão de biomassa maior do que plantas C4 e CAM. Vernonia herbacea, Asteraceae nativa do cerrado, possui rizóforos que acumulam frutanos do tipo inulina. Esses polímeros de frutose, originados da sacarose, são utilizados nas indústrias farmacêutica e alimentícia: atuam como fibras dietéticas promotoras do crescimento da microflora do intestino, além de ser um adoçante não calórico. Em plantas, parecem estar associados a proteção contra o frio e seca. Estudos preliminares com V. herbacea, crescidas sob alto CO2, mostraram aumento da concentração de frutanos nos rizóforos, sugerindo maior disponibilização de carbono para a biossíntese de frutanos nessas condições. Esses resultados sugerem que as alterações de CO2 previstas para as próximas décadas possam ter um impacto sobre a flora herbacea nativa do cerrado. Considerando a escassez de estudos sobre o efeito do CO2 no acúmulo de carboidratos em órgãos subterrâneos e, particularmente, em plantas nativas e, em vista dos elevados teores de frutanos em V. herbacea e da aplicação destes compostos na indústria, este trabalho tem como objetivos avaliar o efeito da atmosfera enriquecida com CO2 no crescimento, na alocação de biomassa e no metabolismo de frutanos nessas plantas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)