Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de marcadores da habilidade replicativa do virus respiratorio sincicial: quantificacao de rnas mensageiros para as proteinas f e n.

Processo: 05/53189-7
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2005
Vigência (Término): 31 de julho de 2007
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Biologia e Fisiologia dos Microorganismos
Pesquisador responsável:Eurico de Arruda Neto
Beneficiário:Miriã Ferreira Criado
Instituição Sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Replicação viral   Paramyxovirus
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Infeccoes Repiratorias | Paramyxovirus | Replicacao Viral | Virus Sincialrespiratorio

Resumo

O HRSV é o agente viral causador de infecções respiratórias agudas (IRA) do trato respiratório inferior de maior impacto em saúde pública infantil, causando grande morbidade e mortalidade em crianças em todo mundo. A infecção primária por HRSV ocorre em tenra idade e 95% das crianças são soropositivas aos 2 anos. Portanto, este vírus é responsável por grande quantidade de hospitalizações em crianças, tanto em países desenvolvidos quanto em desenvolvimento. O HRSV se replica em epitélios respiratórios, é eliminado em secreções nasais por até 3 semanas. Apesar da sua grande importância em saúde pública, os mecanismos associados à doença causada por HRSV são pouco conhecidos. Um componente importante na regulação da patogenicidade de HRSV é a intensidade da replicação viral, refletida em possíveis marcadores de eficiência replicativa, tais como as proteínas virais N e F. O presente trabalho visa estudar o ciclo de replicação de HRSV em células 'NIC-H292, visando identificar marcadores moleculares da sua habilidade replicativa. Para isso, serão estabelecidos os parâmetros biológicos essenciais da sua curva de replicação-, e quantificadas as sub-espécies de RNAs mensageiros específicos para as proteínas N e F, por meio de técnica de PCR em tempo real, em diferentes tempos pós-infecção, tentando estabelecer uma cinética de sua formação ao longo do ciclo replicativo viral. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)