Busca avançada
Ano de início
Entree

Aquisição de equipamento para a finalização da Unidade de Pesquisa em Experimentação Animal (UPEA) da Faculdade de Medicina de Botucatu

Resumo

A UPEA (Unidade de Pesquisa em Experimentação Animal) é um prédio para manutenção dos animais de experimentação que foi construído com recursos FINEP (UPEA - FINEP - ação transversal Pró-Infra 2008 no valor de R$1.577.949,00) e contrapartidas da instituição que já chegam a R$500.000,00.A UPEA foi projetada como polo de pesquisa em experimentação animal, com ambiente divididos em área contaminada e não contaminada. Um padrão de referência nacional e internacional e com estrutura para manter o animal de experimentação em condições livres de patógenos. Criando um ambiente de pesquisa com ambiente e com capacidade de criar cepas geneticamente modificadas e transgênicos. Nesse biotério serão mantidas as matrizes das linhagens, com controle rigoroso da saúde dos animais e manutenção das características genéticas, assegurando os padrões de qualidade.Será também assegurado todo o rigor ético da pesquisa em experimentação animal. Isso torna a UPEA um local de referência e com capacidade de acreditação na área de biotério levando a pesquisa na UNESP junto a fronteira do conhecimento. A UPEA servirá como biotério de manutenção de ratos e camundongos e visa estabelecer critérios ideais de manutenção dos animais de experimentação e destina-se a todas as atividades de pesquisa experimental dos pesquisadores da Faculdade de Medicina, Instituto de Biotecnologia da UNESP e dos pesquisadores em geral do campus de Botucatu que o requisitarem. Portanto, uma estrutura com caráter multiusuário.Para complementar todos os critérios para que o biotério esteja em condições de iniciar suas atividades se faz necessário a aquisição do equipamento abaixo especificado:1) Esterilizador horizontal: destinado a atender os mais criteriosos parâmetros de esterilização e normativos de fabricação e segurança, nacional e internacional. Pode esterilizar e secar materiais e diferentes densidades, como campos e roupas cirúrgicas, instrumentais e utensílios, empacotados ou não, vidros, luvas, seringas, borrachas, líquidos em frascos não herméticos. Pode ser usada em hospitais, pronto-socorro, atenção básica, laboratórios de análises clínicas e laboratórios de pesquisa. Utiliza vapor saturado de água sob pressão com fase de condicionamento. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)