Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel funcional dos genes PHLDA1, RET, BCAR3 e da isoforma A do Receptor de Progesterona (PRA) no câncer de mama: implicações clínicas

Processo: 15/10208-3
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2015 - 31 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Maria Aparecida Nagai
Beneficiário:Maria Aparecida Nagai
Instituição Sede: Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octavio Frias de Oliveira (ICESP). Coordenadoria de Serviços de Saúde (CSS). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Elisabete Cristina Miracca ; Flavia Regina Rotea Mangone ; Simone Aparecida de Bessa Garcia
Assunto(s):Biomarcadores  Neoplasias mamárias  Biomarcadores tumorais 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Bcar3 | biomarcadores | Câncer de mama | lesões pré-malignas | Phlda1 | Ret | biomarcadores tumorais

Resumo

O câncer de mama é uma doença altamente heterogênea com relação a sua histopatologia e genética, podendo ser classificado como um conjunto de neoplasias com diferenças histopatológicas, genética e epigenética e de curso clínico variável. O câncer de mama é a neoplasia mais comum e a principal causa de morbidade e mortalidade na população feminina mundial. No Brasil, segundo dados de registros de câncer do Ministério da Saúde, o câncer de mama é a neoplasia maligna mais prevalente depois do câncer de pele não melanoma e a principal causa de mortalidade na população feminina. Além da alta incidência, o impacto social e econômico da doença é enorme e fazem do câncer de mama um importante problema de saúde pública. Embora estejamos vivenciando um avanço rápido na classificação molecular e na busca por novos alvos terapêuticos, atualmente, as estratégias de tratamento do câncer de mama são baseadas principalmente no status de positividade das células tumorais para os receptores para hormônios esteroídicos (estrógeno e progesterona) e a oncoproteína HER2. Identificação e caracterização de potenciais novos biomarcadores prognósticos e preditivos de reposta a terapia se constitui em importante e atual área de pesquisa em câncer de mama. Além disso, compreender mais sobre a fisiologia molecular e biologia da mama normal e de lesões pré-malignas é extremamente importante para uma melhor compreensão das alterações associadas ao processo de tumorigênese da mama. Este projeto visa dar continuidade a estudos de identificação e caracterização de biomarcadores realizados por nosso grupo na área de câncer de mama. Para isto serão desenvolvidos três subprojetos utilizando modelo de câncer de mama, in vitro e in vivo, com a aplicação de diferentes técnicas de biologia molecular e celular. Os principais objetivos são: 1)Avaliar o papel funcional e os mecanismos de ação de PHLDA1 em células epiteliais mamárias e de câncer de mama e o seu potencial papel como fator preditivo de resposta a estratégias terapeuticas em câncer de mama; 2) Caracterizar o padrão de expressão e os mecanismos moleculares envolvidos na resistência endócrina mediada por RET e BCAR3 no câncer de mama; 3) Investigar os mecanismos envolvidos na sinalização celular desencadeada pela progesterona via PRA e sua contribuição para o desenvolvimento do câncer de mama. Participarão do projeto pesquisadores da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP) e alunos de iniciação científica, mestrado, doutorado e pós-doutorado. Os resultados deste estudo deverão gerar novos conhecimentos que permitam melhorar nossa compreensão sobre o papel dos genes PHLDA1, RET, BCAR3 e da isoforma do receptor de progesterona (PRA) no processo de tumorigênese da mama e sua utilização como potenciais biomarcadores de prognóstico e seleção mais adequada de regimes terapêuticos para as pacientes com câncer de mama. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARLINI, MARIA JOSE; RECOUVREUX, MARIA SOL; SIMIAN, MARINA; NAGAI, MARIA APARECIDA. Gene expression profile and cancer-associated pathways linked to progesterone receptor isoform a (PRA) predominance in transgenic mouse mammary glands. BMC CANCER, v. 18, . (14/13470-8, 15/10208-3)
BONATTO, NAIELI; CARLINI, MARIA JOSE; DE BESSA GARCIA, SIMONE APARECIDA; NAGAI, MARIA APARECIDA. PHLDA1 (pleckstrin homology-like domain, family A, member 1) knockdown promotes migration and invasion of MCF10A breast epithelial cells. CELL ADHESION & MIGRATION, v. 12, n. 1, p. 37-46, . (15/10208-3)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.