Busca avançada
Ano de início
Entree

Genômica da mosca-da-bicheira Cochliomyia hominivorax (Diptera: Calliphoridae): análise estrutural e funcional.

Resumo

A mosca-da-bicheira, Cochliomyia hominivorax, Coquerel 1858 (Diptera: Calliphoridae), é considerada uma das mais importantes pragas da pecuária na América do Sul, sendo responsável por severos prejuízos na produção animal. Os estágios larvais dessa espécie se alimentam de tecidos vivos de feridas de animais de sangue quente, silvestres e domésticos, após a postura de ovos por fêmeas adultas. Este tipo de infestação causada pela mosca da bicheira é chamada de miíase, que são infestações em vertebrados vivos causadas por larvas de dípteros que alimentam-se de tecidos vivos (miíases primária) ou mortos (miíases secundárias) do hospedeiro (Zumpt, 1965). Na região Neotropical, a única espécie causadora de miíases primária é a mosca da bicheira, destacando-se entre os demais califorídeos de importância médica e veterinária por ser uma espécie ectoparasita obrigatória de vertebrados vivos, incluindo o homem (Zumpt, 1965; Guimarães et al., 1982; Azeredo-Espin & Lessinger, 2006). A atual distribuição de C. hominivorax inclui a América do Sul e algumas ilhas do Caribe, tendo previamente sido erradicada das Américas do Norte e Central (terrritório continental) entre 1957 e 2000, através da técnica de inseto estéril (SIT: Sterile Insect Technique; Klassen and Curtis, 2005). A importância da C. hominivorax como uma praga da pecuária aliada à sua capacidade de dispersão e adaptação, justificam um contínuo investimento em seu monitoramento, tratamento e controle, sendo de extrema importância a realização de estudos básicos em genética e ecologia. Além disso, seu "status" como espécie modelo de um programa de controle bem sucedido (SIT) motiva estudos para se evidenciar padrões biológicos comparáveis a outras espécies-praga. O histórico do Laboratório de Genética e Evolução Animal (LabGEA) evidencia os esforços para gerar dados e caracterizar genética e evolutivamete populações da mosca-da-bicheira e espécies relacionadas da família Calliphoridae. Estes estudos envolvem a caracterização da dinâmica e estrutura populacional, biogeografia, mecanismos moleculares da resistência genética a inseticidas, filogenia e evolução do hábito de parasitismo desta espécie num contexto mais amplo. As abordagens propostas neste projeto dão continuidade a esta linha de pesquisa, envolvendo estudos evolutivos e comparativos através do sequenciamento do genoma completo de C. hominivorax. A partir das informações geradas, estão previstos estudos de genômica populacional e de análises funcionais por meio da caracterização do perfil de expressão dos microRNAs em diferentes fases do desenvolvimento de C. hominivorax. O uso de plataformas de sequenciamento de nova geração irá gerar os dados básicos que serão aplicados a subprojetos específicos. Esta proposta foi organizada em três subprojetos em que serão detalhadas diferentes questões biológicas a serem investigadas, com objetivos e metodologias específicos. Os subprojetos consistem em: (1) Sequenciamento do genoma de C. hominivorax e (2) Análise do perfil de expressão de microRNAs em diferentes fases do desenvolvimento C. hominivorax. Estas abordagens de análise focam na elucidação de questões cruciais que embasarão trabalhos aplicados em C. hominivorax. A partir destas abordagens, espera-se contribuir para uma melhor compreensão do hábito de parasitismo de C. hominivorax, com perspectivas para estudos funcionais, comparativos e evolutivos em Calliphoridae. Do ponto de vista prático, estes estudos deverão auxiliar o desenvolvimento de estratégias mais eficientes de controle desta praga no Brasil e nas demais regiões da sua atual distribuição geográfica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PAULO, DANIEL F.; JUNQUEIRA, ANA C. M.; ARP, ALEX P.; VIEIRA, ANDRE S.; CEBALLOS, JORGE; SKODA, STEVEN R.; PEREZ-DE-LEON, ADALBERTO A.; SAGEL, AGUSTIN; MCMILLAN, WILLIAM O.; SCOTT, MAXWELL J.; CONCHA, CAROLINA; AZEREDO-ESPIN, ANA M. L. Disruption of the odorant coreceptor Orco impairs foraging and host finding behaviors in the New World screwworm fly. SCIENTIFIC REPORTS, v. 11, n. 1 MAY 31 2021. Citações Web of Science: 0.
BERGAMO, LUANA WALRAVENS; SILVA-BRANDAO, KARINA LUCAS; VICENTINI, RENATO; FRESIA, PABLO; LIMA AZEREDO-ESPIN, ANA MARIA. Genetic Differentiation of a New World Screwworm Fly Population from Uruguay Detected by SNPs, Mitochondrial DNA and Microsatellites in Two Consecutive Years. INSECTS, v. 11, n. 8 AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
GONCALVES, ROGERIO MARTINS; MASTRANGELO, THIAGO; VERLE RODRIGUES, JOSE CARLOS; PAULO, DANIEL FERNANDO; OMOTO, CELSO; CORREA, ALBERTO SOARES; LIMA DE AZEREDO-ESPIN, ANA MARIA. Invasion origin, rapid population expansion, and the lack of genetic structure of cotton bollworm (Helicoverpa armigera) in the Americas. ECOLOGY AND EVOLUTION, v. 9, n. 13, p. 7378-7401, JUL 2019. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.