Busca avançada
Ano de início
Entree

Designing and policy implementation for encouraging cycling and walking trips

Resumo

Deslocamentos a pé e de bicicleta, que são considerados os modos mais sustentáveis de transporte, podem ser vistos como o foco de uma transição equilibrada em direção a sistemas de mobilidade urbana eficientes do ponto de vista energético e de baixo consumo de carbono, tanto em países desenvolvidos como em desenvolvimento. Estes sistemas seriam mais resilientes aos efeitos da elevação e da volatilidade nos preços do petróleo e podem ainda assegurar ampla acessibilidade física, a custos também acessíveis, a diferentes grupos socioeconômicos da população. O potencial de uso dos modos não motorizados pode ser ampliado por intervenções em elementos físicos dos sistemas de mobilidade ("hardware"), tais como infraestrutura e ambiente construído, ajustados a diferenças individuais e de grupos sociais, em termos de necessidades, preferências, experiências, significados e exposição aos elementos urbanos durante a realização dos deslocamentos. Além disso, questões de governança e implantação de políticas ("software"), bem como as práticas de manutenção e disseminação de informações e formas inerentes de conhecimento, significados e valores devem ser modificados. O objetivo dessa proposta é determinar que elementos do ambiente construído, de gestão da infraestrutura e das comunidades locais em São Paulo, na Holanda e no Reino Unido podem influenciar o uso de modos não motorizados e como estes podem ser otimizados para promover uma mobilidade urbana sustentável para todos. Os três locais possuem diferenças significativas no uso de modos não motorizados, bem como contextos muitos distintos do ponto de vista econômico, social, cultural e político. O projeto deve contribuir para a melhoria de infraestruturas para modos não motorizados, na medida em que oferece uma visão única de como a infraestrutura e outros elementos do ambiente urbano construído formam percepções altamente diferenciadas de ciclistas e pedestres, e de qual o papel das inovações promovidas a partir de grupos das comunidades locais que procuram tornar as viagens não motorizadas mais atrativas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MAHECHA NUNEZ, JAVIER YESID; TEIXEIRA, INAIAN PIGNATTI; RODRIGUES DA SILVA, ANTONIO NELSON; ZEILE, PETER; DEKONINCK, LUC; BOTTELDOOREN, DICK. The Influence of Noise, Vibration, Cycle Paths, and Period of Day on Stress Experienced by Cyclists. SUSTAINABILITY, v. 10, n. 7, . (15/50129-5)
RODRIGUES, MURILO RIBEIRO; RODRIGUES DA SILVA, ANTONIO NELSON; TEIXEIRA, INAIAN PIGNATTI. Assessing the applicability of the cyclists' Level of Traffic Stress (LTS) classification to a medium-sized city in a developing country. JOURNAL OF TRANSPORT & HEALTH, v. 24, p. 12-pg., . (15/50129-5)
MAHECHA NUNEZ, JAVIER YESID; RODRIGUES DA SILVA, ANTONIO NELSON. Combining environmental quality assessment of bicycle infrastructures with vertical acceleration measurements. TRANSPORTATION RESEARCH PART A-POLICY AND PRACTICE, v. 137, p. 447-458, . (15/50129-5)
MARTINELLI GUERREIRO, THAIS DE CASSIA; PROVIDELO, JANICE KIRNER; PITOMBO, CIRA SOUZA; RODRIGUES RAMOS, RUI ANTONIO; RODRIGUES DA SILVA, ANTONIO NELSON. Data-mining, GIS and multicriteria analysis in a comprehensive method for bicycle network planning and design. INTERNATIONAL JOURNAL OF SUSTAINABLE TRANSPORTATION, v. 12, n. 3, p. 179-191, . (15/50129-5)
TEIXEIRA, INAIAN PIGNATTI; RODRIGUES DA SILVA, ANTONIO NELSON; SCHWANEN, TIM; MANZATO, GUSTAVO GARCIA; DORRZAPF, LINDA; ZEILE, PETER; DEKONINCK, LUC; BOTTELDOOREN, DICK. Does cycling infrastructure reduce stress biomarkers in commuting cyclists? A comparison of five European cities. JOURNAL OF TRANSPORT GEOGRAPHY, v. 88, p. 16-pg., . (15/50129-5, 17/04460-7, 17/26280-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.