Busca avançada
Ano de início
Entree

Existência e Eternidade em Leibniz e Espinosa

Resumo

O livro aqui proposto é a reunião de três ensaios tratando das filosofias de Leibniz e Espinosa. O primeiro deles aborda a questão da contingência em Leibniz e a maneira como este autor busca conciliá-la com a determinação total implicada por sua concepção de substância como noção completa, garantindo assim um espaço para a liberdade. O caminho para solucionar o problema passa pela afirmação de que nem todos os possíveis lógicos existem. O segundo ensaio aborda um dos pontos mais obscuros do pensamento de Espinosa, as ideias de modos não existentes, mostrando como elas se enquadram em um sistema que afirma a necessidade absoluta da realidade e não se confundem com os possíveis não existentes de Leibniz. Finalmente, o terceiro ensaio trata da noção de contemplação em Espinosa, uma ideia onipresente em sua teoria do conhecimento, mas também inseparável da reflexão sobre a existência e a eternidade. Assim, embora relativamente independentes, os três ensaios trazem vigorosamente a questão da existência. A contingência em Leibniz, com todas as limitações da solução apresentada, se baseia em um jogo entre existentes e inexistentes. A contemplação em Espinosa se mostra, em última análise, uma afirmação de existência, mesmo que esta se entenda em sentidos diferentes. E as ideias de modos não existentes, como não poderia deixar de ser, oferecem uma discussão do tema da existência, ainda que por via negativa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)