Busca avançada
Ano de início
Entree

A prática do autocuidado em diabetes: o papel da equipe Estratégia de Saúde da Família com ênfase no agente comunitário na região Oeste de São Paulo

Processo: 13/10313-6
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2014 - 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Márcia Nery
Beneficiário:Márcia Nery
Instituição Sede: Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados: Ken Resnicow ; Mary Ellen Michele Heisler ; Thais Moura Ribeiro Do Valle Nascimento
Assunto(s):Endocrinologia  Diabetes mellitus  Educação em saúde  Autocuidado  Saúde da família  Pessoal de saúde  Entrevista motivacional  Empoderamento 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:autocuidado | educação diabetes | educação saúde | Empoderamento | Entrevista Motivacional | Endocrinologia

Resumo

O diabetes é uma doença crônica que demanda de seu portador um grande número de procedimentos de autocuidado muito difíceis de serem realizados. A falta de adesão às medidas propostas pode resultar em complicações crônicas e piora de qualidade de vida. A interferência dos profissionais de saúde nas questões de adesão e as relações entre o paciente e os profissionais apresentam o paciente no papel de quem deve obedecer às orientações e o médico como o detentor do saber necessário. A estratégia de entrevista motivacional é uma técnica de comunicação que tem por objetivo ajudar as pessoas a usar seus valores para obter domínio sobre seu diabetes permitindo uma consciência crítica na qual o indivíduo com essa doença encontre sentido para o modo de viver saudável. Este estudo tem como objetivos analisar a aceitação e viabilidade pela Estratégia de Saúde da Família, em especial os agentes comunitários de um programa de autocuidado para o diabetes que utiliza a técnica de entrevista motivacional e secundariamente verificar o impacto da intervenção em parâmetros clínicos (peso, glicemia, pressão arterial e controle de lipídios) e no autocuidado em diabetes. O estudo será realizado de acordo com as seguintes fases: treinamento para autocuidado em diabetes e entrevista motivacional para os profissionais de saúde. A intervenção utilizará as visitas domiciliares mensais dos agentes comunitários aos pacientes com a nova abordagem motivacional na qual os pacientes farão planos de ação com metas próprias. Parâmetros clínicos e laboratoriais além de um questionário de autocuidado serão avaliados no início e depois de 6 meses da intervenção. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RIBEIRO DO VALLE NASCIMENTO, THAIS MOURA; RESNICOW, KEN; NERY, MARCIA; BRENTANI, ALEXANDRA; KASELITZ, ELIZABETH; AGRAWAL, POOJA; MAND, SIMANJIT; HEISLER, MICHELE. A pilot study of a Community Health Agent-led type 2 diabetes self-management program using Motivational Interviewing-based approaches in a public primary care center in Sao Paulo, Brazil. BMC HEALTH SERVICES RESEARCH, v. 17, . (13/10313-6)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.