Busca avançada
Ano de início
Entree

Genotipagem de polimorfismos do gene da proteína priônica por PCR em tempo real em ovinos criados no Estado de São Paulo

Processo: 13/05489-8
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2013 - 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Caio Rodrigues dos Santos
Beneficiário:Caio Rodrigues dos Santos
Instituição Sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Paulo César Maiorka
Assunto(s):Encefalopatias  Scrapie  Príons  Polimorfismo genético  Reação em cadeia da polimerase em tempo real  Resistência genética animal  Técnicas de genotipagem  Ovinos 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Genotipagem | Ovinos | pcr em tempo real | Polimorfismos | scrapie | Patologia Molecular

Resumo

Scrapie é a mais antiga encefalopatia subaguda transmissível que já foi descrita na literatura, tendo sido descrita já no século 18. Esta é uma doença neurodegenerativa fatal que ocorre em ovinos e caprinos. A doença é influenciada por polimorfismos no gene da proteína priônica, e animais podem ser categorizados em susceptíveis (s) ou resistentes (r), de acordo com as sequências observadas no gene que codifica esta proteína em ovinos. O estudo de Polimorfismos do gene da proteína priônica em ovinos é um exemplo de avanço na compressão molecular do desenvolvimento de Scrapie, tendo sido realizado em diversos países, com intuito de seleção e melhoramento genético para resistência a doença. No Brasil ocorreram apenas casos de animais que foram importados, sendo o país considerado livre da doença. No entanto, estudos sobre o perfil de susceptibilidade da doença se fazem necessários, sendo que podem auxiliar enormemente o desenvolvimento de seleção e melhoramento animal, com vistas à resistência ao desenvolvimento da doença. Técnicas como a reação em cadeia da polimerase convencional e sequenciamento genômico já foram descritas como ferramentas de genotipagem destes polimorfismos. Serão coletadas amostras de sangue de 250 ovinos de raças variadas em propriedades localizadas no Estado de São Paulo, das quais serão realizadas as extrações do material genético, para posterior genotipagem dos polimorfismos pelo método da reação em cadeia da polimerase em tempo real. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)