Busca avançada
Ano de início
Entree

Validação da seção de estresse pós-traumático do Composite International Diagnostic Interview 2. 1

Resumo

O Composite International Diagnostic Interview 2.1 (CIDI 2.1) é um questionário estruturado desenvolvido pela OMS que, uma vez aplicado por um entrevistador treinado, fornece diagnóstico segundo a Classificação Internacional de Doenças na sua décima versão (CID-10); tem se mostrado uma ferramenta útil para estudos clínicos e epidemiológicos em todo o mundo. O instrumento foi estudado no Brasil, e para a maior parte dos diagnósticos psiquiátricos apresentou indicadores de confiabilidade e validade bons. A confiabilidade da seção de Transtorno de Estresse Pós Traumático (TEPT) foi excelente (K= 0,99 para diagnósticos ao longo da vida e de 0,95 para diagnósticos de último ano). A validade não foi estudada. O crescente interesse pelo estudo do TEPT, motivado pelo aumento dos índices de exposição à violência, torna o estudo de validade importante para estudos epidemiológicos. Nosso objetivo é estudar a validade concorrente da seção de TEPT do CIDI 2.1 tomando como padrão ouro o diagnóstico psiquiátrico formulado por psiquiatra experiente. Sessenta pacientes serão selecionados intencionalmente com história de algum tipo de evento traumático, 20 com diagnóstico de TEPT, 40 sem diagnóstico - 20 procedentes de ambulatório especializado em tratamento TEPT e 20 da comunidade. As entrevistas serão aplicadas por entrevistadores cegos quanto ao diagnóstico clínico. A comparação entre o diagnóstico gerado pelo CIDI 2.1 e o diagnóstico clínico será feita por meio de indicadores de validade concorrente (sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo, negativo, taxa classificação incorreta). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)