Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do potencial das formigas (Hymenoptera: Formicidae) como bioacumuladores de metais pesados

Resumo

A avaliação da contaminação por poluentes e suas influências sobre a biota é de grande importância para a recuperação e preservação da Mata Atlântica, que é um Bioma caracterizado pelo seu alto nível de endemismo. O intuito deste projeto é dar continuidade ao estudo no NCA-UMC/OMEC sobre metais em formigas e visa estudar as espécies Camponotus rufipes e Solenopsis saevissima para auxiliar na compreensão da biomagnificação de metais através da cadeia trófica ou mesmo propor o uso dessas espécies como biomarcadores para esses elementos em áreas de Mata Atlântica. Para tanto as formigas serão coletadas em locais de Mata Atlântica que apresentam um gradiente de atividade antrópica, desde regiões de depósitos de sucatas (antiga COSIM), passando por áreas de tráfego intenso até a mata não-impactada na Serra do Itapeti (um importante fragmento de Mata Atlântica localizado entre a Serra do Mar e a Serra da Mantiqueira), em Mogi das Cruzes, que está localizada na bacia hidrográfica do Alto Tietê, área de Mata Atlântica prioritária nos programas de proteção ambiental. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE SOUZA, D. R.; DOS SANTOS, S. G.; MUNHAE, C. DE B.; MORINI, M. S. DE C. Diversity of Epigeal Ants (Hymenoptera: Formicidae) in Urban Areas of Alto Tiete. Sociobiology, v. 59, n. 3, p. 703-717, 2012. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.