Busca avançada
Ano de início
Entree

Depressão pós-parto no município de Itapecerica da Serra: uma morbidade ainda desconhecida

Processo: 12/23678-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2013 - 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem de Saúde Pública
Pesquisador responsável:Anna Maria Chiesa
Beneficiário:Anna Maria Chiesa
Instituição-sede: Escola de Enfermagem (EE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Depressão pós-parto  Saúde da mulher 

Resumo

O presente estudo faz parte do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado e pretende analisar a prevalência de depressão pós-parto (DPP) em mulheres de um município da grande São Paulo. Esta prevalência pode contribuir para a melhor compreensão dos fenômenos anteparto, perinatal e pós-parto. Esta pesquisa constitui-se num estudo epidemiológico de caráter descritivo e transversal e analisará os fatores de risco associados à ocorrência do fenômeno. Neste estudo de depressão no pós-parto, as variáveis serão todas mensuradas, portanto quantitativas. Será usada a Edimburg Depression Postpartum Scale (EPDS) (SANTOS, 1999); e um formulário de caracterização socioeconômica familiar da puérpera elaborado pela própria pesquisadora. Espera-se que os resultados deste estudo possam contribuir para revelar aspectos que justifiquem e embasem o desenvolvimento de políticas públicas voltadas ao diagnóstico, prevenção e tratamento da DPP. O entendimento sobre a realidade das mulheres que passam pelos sintomas de depressão pós-parto pode contribuir para aprimorar os serviços de saúde. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)