Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das dosagens de metabólitos de esteróides em excretas de ararajubas (Guaruba guarouba) dentro e fora da estação reprodutiva

Resumo

A manutenção de populações viáveis de animais selvagens exige a conservação de seu habitat, assim como o conhecimento de aspectos comportamentais e fisiológicos de cada espécie. Atualmente, existe um total de 130 espécies conhecidas de aves consideradas extintas na natureza, sendo que apenas quatro destas ainda podem ser encontradas em cativeiro. Entre essas espécies, a proporção de psitacídeos é superior a qualquer outra família de grandes aves. O conhecimento das características endócrino-reprodutivas de qualquer espécie é extremamente importante para que se possa interferir adequadamente no manejo e até mesmo aplicar biotécnicas com o objetivo de incrementar o desempenho reprodutivo de espécies ameaçadas de extinção. O estudo endócrino-reprodutivo com o uso da extração e dosagem de metabólitos urofecais de esteróides tem sido proposta como uma ferramenta extremamente útil por ser não invasiva e permitir estudos longitudinais com grande número de colheitas de amostras sem produzir estresse. Alguns trabalhos já demonstraram que a determinação de hormônios via análise urofecal é viável em aves. Este projeto tem como objetivos descrever os perfis das concentrações de metabólitos urofecais de esteróides (estrógeno, progesterona, testosterona e corticosterona), dentro e fora da estação reprodutiva da ararajuba (Guaruba guarouba), testar protocolo de estimulação de oviposição na espécie com o uso de análogo de GnRH, além de validar fisiologicamente ou biologicamente os ensaios para dosagens dos metabólitos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)