Busca avançada
Ano de início
Entree

Detecção sorológica e caracterização molecular de agentes transmitidos por artrópodes vetores em aves carnívoras no Brasil

Resumo

Aves carnívoras são parasitadas por muitas espécies de hemoparasitos, muitos dos quais também podem causar doenças nos seres humanos, como os agentes da ordem Rickettsiales. Poucos estudos têm sido realizados no Brasil com o objetivo de detectar hemoparasitas com potencial zoonótico em aves, sendo que, normalmente, a detecção de hemoparasitas se dá pela visualização destes em esfregaços sanguíneos e sua observação muitas vezes é ocasional, necessitando-se de mais estudos a fim de conhecer estes agentes e melhorar os métodos diagnósticos, aumentando sua sensibilidade e especificidade. A reação em cadeia da polimerase (PCR) presta-se muito bem para a investigação de hemoparasitos por apresentar maior sensibilidade e especificidade do que os métodos tradicionalmente empregados e por permitir estudos filogenéticos. A associação da PCR aliada à sorologia permite estudos mais aprofundados da relação hospedeiro parasita e incrementa o diagnóstico. O objetivo deste estudo será detectar sorologicamente e molecularmente os hemoparasitos da ordem Rickettsiales (Ehrlichia, Anaplasma, Rickettsia, Neorickettsia) e do gênero Bartonella spp. em aves carnívoras, realizando um estudo filogenético baseado nos achados moleculares, para os agentes com potencialidade zoonótica. Realizar-se ao colheitas de sangue de aves carnívoras (gaviões, corujas, urubus), de vida livre e cativeiro, de diferentes localidades do Brasil. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)