Busca avançada
Ano de início
Entree

Diagnóstico pré-operatório de metástases hepáticas de adenocarcinoma colorretal: avaliação da sensibilidade da ressonância magnética ponderada em difusão

Processo: 11/20052-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2012 - 31 de março de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Pesquisador responsável:Rubens Chojniak
Beneficiário:Rubens Chojniak
Instituição Sede: Hospital A C Camargo. Fundação Antonio Prudente (FAP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ressonância magnética  Metástase neoplásica 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Difusão | Metástase Hepática | Ressonância Magnética | sensibilidade | Oncologia

Resumo

A ressecção cirúrgica de metástases hepáticas é o único tratamento potencialmente curativo para pacientes portadores de câncer colorretal. Tem-se observado que o número de pacientes que se beneficiam de metastasectomias é muito maior do que se acreditava ser anteriormente. Contudo é fundamental que a seleção do paciente e seu planejamento cirúrgico seja feito de forma precisa, pois de outro modo é provável que apenas haja incremento na morbidade sem proporcionar aumento de sobrevida ao doente. A ressonância magnética é o método mais sensível para detecção de metástases hepáticas, contudo a despeito do aperfeiçoamento das técnicas convencionais de aquisição de imagens, nenhuma delas é capaz de detectar tantas lesões quantas são observadas no transoperatório com a utilização da ultrassonografia intra-operatória. Limitados por esta condição, em nossa instituição cerca de 25% das cirurgias tem de ser replanejadas.Motivados pela constatação prática e por estudos iniciais sobre a aplicação da ressonância ponderada em difusão no estudo do abdômen, acreditamos ser esta uma técnica que potencialmente pode aproximar os resultados pré-operatórios dos intra-operatórios.Este estudo tem por objetivo avaliar a sensibilidade da ressonância magnética ponderada em difusão no diagnóstico pré-operatório das metástases hepáticas de adenocarcinoma colorretal em pacientes selecionados para metastasectomia. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)