Busca avançada
Ano de início
Entree

Congregações católicas, educação e Estado Nacional no Brasil (1840-1950)

Resumo

Este projeto trata da imigração de congregações religiosas para o Brasil, no final do século XIX e meados do século XX. Examina as alianças, disputas e acordos que oportunizaram o deslocamento dessas congregações europeias, suas relações com o projeto da Igreja Católica para o Brasil, com o processo de romanização da própria Igreja e com os projetos políticos das próprias congregações em fase de internacionalização. Analisa os efeitos da chegada de congregações religiosas no país, no momento de construção do sistema nacional de educação, de lutas pela laicização do estado e da sociedade e de configuração das cidades modernas. Tem seu foco central na educação, entendida como processo de socialização dos recém-chegados - crianças e estrangeiros. Educação que se estende para além da escolarização, que também se desenvolve e é marcada pela vida urbana, pela estética da cidade, pelos objetos da cultura - edifícios, livros, estruturas empresariais, artes - pelas linguagens. O que este projeto de pesquisa propõe, portanto, é examinar o lugar social das congregações católicas a fim de problematizar as questões tradicionalmente presentes na história da educação brasileira. O aumento da circulação das congregações no sentido Europa Brasil e a constituição de outras aqui no país se dá no período de construção do Estado Nacional. De que forma as congregações católicas se espalharam por todo o país desde meados do século XIX e como participaram da construção do estado nacional é a questão central desse projeto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Religião e política no ensino 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)