Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da diversidade dos patógenos moleculares (vírus e viróides) de plantas no Brasil

Resumo

Considerando que, parasitas moleculares devam ser consideradas como organismos pertencentes ao bioma, gerar e atualizar uma listagem dos vírus e viróides de plantas (nomes em português e inglês, posição taxonômica) encontradas no Brasil, especificando a hospedeira (nome vulgar [em português e inglês], nome científico, sintomas), local de ocorrência, data, vetores, referencias, comentários sabre importância econômica, relação com ocorrências similares no exterior, etc.) e disponibilizá-la através do site do Programa Biota, a comunidade do país e do exterior, como parte do Programa Biota. As fontes de informações serão as publicações existentes em revistas, anais de congressos, teses/dissertações e no currículo Lattes. Como corolário, preparar um cadastro dos especialistas da área, banco de informações sabre reagentes imunológicos ou moleculares disponíveis para detecção/identificação destes patógenos e de eventuais coleções dos mesmos (vivos ou conservados). A fim de alimentar esta listagem, prosseguir nos trabalhos de levantamentos de vírus e virusóides especialmente onde há carência de informações (p.ex. estados como Piauí, Maranhão, Rondônia, Roraima, Acre, Amapá, etc.). Espera-se ter, como outra consequência de tais atividades, a geração de uma rede de comunicação entre os virologistas de plantas e outros interessados no assunto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BLAWID, ROSANA; ISHIKAWA HAYASHI, EVELYN ANLY; MARQUES REZENDE, JORGE ALBERTO; KITAJIMA, ELLIOT W.; NAGATA, TATSUYA. A highly divergent isolate of tomato blistering mosaic virus from Solanum violaefolium. VIRUS GENES, v. 52, n. 2, p. 294-298, APR 2016. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.