Busca avançada
Ano de início
Entree

Comunicação acústica em mamíferos terrestres neotropicais: descrição comparativa de repertórios e uso da bioacústica como ferramenta para estudo de populações naturais

Resumo

Este projeto tem duas preocupações: a compreensão do comportamento de comunicação acústica sob uma abordagem comparativa evolutiva, em continuidade a uma linha de pesquisa anterior; e a integração desse conhecimento à inovações tecnológicas na área da bioacústica em estudos de populações de mamíferos terrestres em meio natural. A primeira delas é tratada em um estudo descritivo de repertórios de espécies neotropicais acústicas: a paca, a cutia, duas espécies do rato rabo-de-facho e o quati. Gravações dos sons produzidos por populações de paca e cutia e dos rabos-de-facho serão obtidas em conjunto com os Laboratórios de Ornitologia e Bioacústica (UFPA, PA) e de Ecofisiologia e Comportamento (USP-RP), respectivamente. Paralelamente, outro estudo irá avaliar a aplicabilidade de técnicas de bioacústica na atração, localização e monitoramento de populações. Usará como modelos populações de preá e de capivara, que ocorrem naturalmente no campus da USP-RP, de mocó, na RPPN Fazenda Tamanduá, em Patos, PB, e de quati, que vive em semi-liberdade no Parque Estadual do Tietê, SP. Em conjunto, esses estudos completam e dão suporte a um projeto de inovação tecnológica em bioacústica, iniciado em colaboração com o Laboratório de Etologia Aplicada (UESC, BA). Os resultados esperados incluem uma discussão sobre a evolução da complexidade de repertórios acústicos, com base nestas e em espécies anteriormente descritas; a obtenção e conservação de um acervo digital de sons de qualidade; e a elaboração de um protocolo de pesquisa com o emprego da bioacústica em estudos de mamíferos em campo. Embora a bioacústica tenha favorecido e barateado pesquisas em comportamento, ecologia e conservação de diversos grupos taxonômicos, ainda é subestimada enquanto ferramenta de pesquisa e trabalho com mamíferos brasileiros, em especial, com roedores caviomorfos e carnívoros sociais, grupos-chave desta pesquisa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
L. M. R. CANTANO; L. C. LUCHESI; J. T. TAKATA; P. F. MONTICELLI. Behavioral repertoire of the Brazilian spiny-rats, Trinomys setosus and Clyomys laticeps: different levels of sociality. Brazilian Journal of Biology, v. 83, p. -, 2023.
GASCO, ALINE; FERRO, HUMBERTO F.; MONTICELLI, PATRICIA F. The communicative life of a social carnivore: acoustic repertoire of the ring-tailed coati (Nasua nasua). BIOACOUSTICS-THE INTERNATIONAL JOURNAL OF ANIMAL SOUND AND ITS RECORDING, v. 28, n. 5, p. 459-487, SEP 3 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.