Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de metodologias para estudos de permeação de formulações tópicas para uso em odontologia

Processo: 11/18113-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2012 - 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Francisco Carlos Groppo
Beneficiário:Francisco Carlos Groppo
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Michelle Franz Montan Braga Leite
Assunto(s):Anestesia odontológica  Anestesia local  Mucosa bucal  Lidocaína 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:anestesia odontológica | anestésicos locais | lidocaína | Mucosa Oral | permeação | Farmacologia, Anestesiologia e Terapêutica medicamentosa

Resumo

Estudos de permeação in vitro e ex vivo em célula de difusão vertical do tipo Franz são muito empregados na fase pré-clínica de um medicamento em desenvolvimento, pois podem permitir a previsão do comportamento dessa formulação frente à barreira utilizada, i.e. mucosa ou pele, permitindo o melhoramento da farmacocinética e biodisponibilidade deste produto. A literatura tem mostrado estudos avaliando a permeação de fármacos através da mucosa oral, utilizando como modelo a mucosa de esôfago de porco. No entanto, esta região da mucosa apresenta pouca ou nenhuma queratinização. Sendo assim, este modelo de estudo é de aplicação limitada para avaliação do desempenho de formulações para uso odontológico, visto que outras regiões contendo maior grau de queratinização (gengiva inserida e mucosa palatina) também podem ser sítios de aplicação tópica para diversos fármacos como anestésicos locais, antimicrobianos, corticóides, antivirais, etc. Desta forma, os objetivos deste trabalho serão: a) desenvolver e padronizar diferentes barreiras para estudos de permeação (célula de difusão vertical do tipo Franz) de formulações tópicas para uso em Odontologia; b) avaliação histológica dessas barreiras; c) comparar a permeação da lidocaína nas diferentes barreiras utilizando célula de difusão vertical do tipo Franz; d) avaliar o efeito do congelamento na permeabilidade dos tecidos e; e) avaliar o efeito do congelamento na retenção/acúmulo de lidocaína nos tecidos. Esperamos , as quais poderão permitir melhor desempenho farmacocinético e farmacodinâmico. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FRANZ-MONTAN, MICHELLE; SERPE, LUCIANO; MAIA MARTINELLI, CLAUDIA CRISTINA; DA SILVA, CAMILA BATISTA; DOS SANTOS, CLEITON PITA; NOVAES, PEDRO DUARTE; VOLPATO, MARIA CRISTINA; DE PAULA, ENEIDA; VIANNA LOPEZ, RENATA FONSECA; GROPPO, FRANCISCO CARLOS. Evaluation of different pig oral mucosa sites as permeability barrier models for drug permeation studies. European Journal of Pharmaceutical Sciences, v. 81, p. 52-59, . (11/23475-9, 12/06974-4, 11/18113-0, 14/14457-5)
SERPE, LUCIANO; MUNIZ, BRUNO VILELA; DOS SANTOS, CLEITON PITA; DA SILVA, CAMILA BATISTA; VOLPATO, MARIA CRISTINA; GROPPO, FRANCISCO CARLOS; VIANNA LOPEZ, RENATA FONSECA; FRANZ-MONTAN, MICHELLE. Full-Thickness Intraoral Mucosa Barrier Models for In Vitro Drug-Permeation Studies Using Microneedles. Journal of Pharmaceutical Sciences, v. 108, n. 5, p. 1756-1764, . (12/06974-4, 12/02492-5, 11/18113-0)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.