Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo dos mecanismos envolvidos na liberação de neurotransmissores: análise utilizando o modelo de ativação do receptor A2a de adenosina

Processo: 10/19849-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia
Pesquisador responsável:Debora Rejane Fior Chadi
Beneficiário:Debora Rejane Fior Chadi
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Citofisiologia  Adenosina  Núcleo solitário  Receptores de neurotransmissores  Neurotransmissores 

Resumo

O nucleosídeo adenosina é uma molécula que age como modulador endógeno, isto é, modifica a resposta celular, possibilitando a modulação da atividade fisiológica em muitos órgãos e tecidos. Essa substância vem sendo extensivamente estudada para fins terapêuticos no tratamento de diversas doenças. O núcleo do trato solitário (NTS), localizado no bulbo, é um importante centro neural envolvido com a regulação viscerosensorial, desta forma, atuando na homeostase corporal. No NTS são encontrados principalmente dois subtipos de receptores para adenosina o A1 e o A2a (rA2a) e uma alta densidade de sítios de recaptação de adenosina, além disso, a ativação do rA2a nesse núcleo influencia diretamente a ação de outros neurotransmissores, sugerindo assim, um importante papel modulatório. Sabe-se que a adenosina agindo sobre o rA2a na região pré-sináptica está envolvida na modulação da liberação de neurotransmissores no sistema nervoso central e periférico. O mecanismo de transdução de sinal utilizado pelo rA2a é via regulação da enzima adenilil ciclase, que por sua vez, aumenta a produção do AMPc. O AMPc é um importante segundo mensageiro intracelular que regula a atividade da PKA, entretanto, recentemente outra via ativada pelo AMPc foi descrita, o EPAC. Além disso, estudos demonstram que tanto a PKA quanto a EPAC são capazes de modular a liberação de neurotransmissores por mecanismos diferentes. A liberação de neurotransmissores depende de uma maquinaria secretória composta por muitas moléculas como a VAMP, SNAP25 e sintaxina que formam o complexo SNARE, a sinapsina, sinaptotagmina, Rab3a e RIM. Sabe-se, também, que essas moléculas podem ser reguladas por agentes reguladores incluindo proteína cinase, fosfatases e outras proteínas sinalizadoras, sugerindo assim, possíveis alvos para a PKA e EPAC na modulação da liberação de neurotransmissores. A modulação da liberação de neurotransmissores pelo rA2a pré-sináptico, já está bem descrita. No entanto, essa modulação no bulbo é pouco explorada, assim como, os mecanismos intracelulares envolvidos. Nesse sentido, o objetivo de nosso trabalho será analisar a modulação da liberação de neurotransmissores evocada pela ativação do receptor de adenosina A2a pré-sináptico e seus possíveis mecanismos de ação em células provenientes do bulbo de ratos Wistar, utilizando a optogenética associada à microscopia confocal para a análise in vivo, nas células, da liberação das vesículas contendo neurotransmissores. Com isso, esse trabalho irá acrescentar informações bastante relevantes no contexto da literatura atual no que se refere à elucidação de mecanismos envolvidos na modulação da liberação de neurotransmissores. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PONTES MATSUMOTO, JOAO PAULO; ALMEIDA, MARINA GOMES; CASTILHO-MARTINS, EMERSON AUGUSTO; COSTA, MAISA APARECIDA; FIOR-CHADI, DEBORA REJANE. Protein kinase A mediates adenosine A(2a) receptor modulation of neurotransmitter release via synapsin I phosphorylation in cultured cells from medulla oblongata. NEUROSCIENCE RESEARCH, v. 85, p. 1-11, . (10/19849-8)
SANTIAGO, FERNANDO E.; FIOR-CHADI, DEBORA R.; CARRETTIERO, DANIEL C.. Alpha2-adrenoceptor and adenosine A1 receptor within the nucleus tractus solitarii in hypertension development. AUTONOMIC NEUROSCIENCE-BASIC & CLINICAL, v. 187, p. 36-44, . (10/19849-8, 09/11446-4)
DA SILVA, SERGIO MARINHO; CARRETTIERO, DANIEL C.; CHADI, DEBORA R. F.. Glutamate requires NMDA receptors to modulate alpha2 adrenoceptor in medulla oblongata cultured cells of newborn rats. Neuroscience Letters, v. 564, p. 83-88, . (10/19849-8)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.