Busca avançada
Ano de início
Entree

Emulação de retóricas clássicas no tratado Der Vollkommene Capellmeister [Mestre-de-Capela Perfeito] de Johann Mattheson (1739)

Processo: 10/19620-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2011 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Música
Pesquisador responsável:Monica Isabel Lucas
Beneficiário:Monica Isabel Lucas
Instituição Sede: Escola de Comunicações e Artes (ECA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Poética  Retórica 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Der Vollkommene Kapellmeister | emulação | Johann Mattheson | Música Setecentista | poética musical | retórica musical | retórica musical

Resumo

Entre os sécs. XVII e XVIII, autores da disciplina conhecida na época como música poética propuseram preceptivas cuja sistemática e terminologia foram emprestadas da Retórica e da Poética greco-romanas. Os escritos compreendidos na musica poética têm em comum a noção de que a música seja um discurso e de que sua finalidade seja persuadir o ouvinte, adequando-se às circunstâncias de público, ocasião e lugar. A descrição mais abrangente e detalhada da concepção musical poético-retórica está representada pelos escritos de Johann Mattheson (1681-1764). Dentre estes escritos, destaca-se o Der Vollkommene Capellmeister [O Mestre-de-Capela Perfeito] (1739). Um exame mais atento ao Der Vollkommene Capellmeister revela similaridades estreitas com a retórica grega e principalmente romana, em especial o Orator e o De Oratore ciceronianos, além da Institutio Oratoria de Quintiliano - autores comprovadamente estudados por autores da musica poetica, incluindo Mattheson. O presente trabalho propõe selecionar os trechos específicos em que Mattheson emula a retórica clássica, em especial as preceptivas da eloquência romana, evidenciando o quanto o autor luterano deve a estas auctoritates. Estas semelhanças incluem aspectos como a ideia do orador perfeito, o próprio estilo ciceroniano de escrita empregado por Mattheson, a centralidade da noção de decoro, a asserção de que a música tenha como finalidade a edificação moral, além da descrição da constituição do discurso segundo as etapas da inventio, dispositio e elocutio. Com isto, o trabalho visa cobrir uma lacuna no que diz respeito à disponibilidade de material de referência para o estudo da retórica musical setecentista em português. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)