Busca avançada
Ano de início
Entree

Carga microbiana recuperada do instrumental utilizado em cirurgia ortopedica segundo o potencial de contaminacao das cirurgias

Processo: 08/55171-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de novembro de 2008 - 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem Médico-cirúrgica
Pesquisador responsável:Kazuko Uchikawa Graziano
Beneficiário:Kazuko Uchikawa Graziano
Instituição-sede: Escola de Enfermagem (EE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Infecção hospitalar  Cirurgia ortopédica  Osteomielite 

Resumo

O insucesso nos procedimentos cirúrgicos ortopédicos devido à infecção pode levar a conseqüências desastrosas como a perda de próteses implantadas. A infecção hospitalar é um desfecho de causa multifatorial, onde a esterilização segura do instrumental cirúrgico ocupa uma posição de extrema importância. Não se sabe até o momento quais os desafios microbiológicos que a Central de Material e Esterilização vêm enfrentando ao reprocessar a diversidade dos materiais utilizados nestes procedimentos cirúrgicos. Este projeto tem como objetivo determinar a carga microbiana recuperada do instrumental cirúrgico após uso em cirurgias ortopédicas, segundo o seu potencial de contaminação (limpa, contaminada e infectada) quantificando e identificando o gênero e a espécie dos crescimentos positivos de bactérias e fungos, assim como o antibiograma para determinar a multiresistência. As amostras do instrumental a serem analisadas serão coletadas no Instituto de Ortopedia e Traumatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, com técnica asséptica, depositando-as num saco plástico previamente esterilizado com 500mL de água destilada esterilizada. Para a extração da carga microbiana, o volume de água será completado até que o instrumental fique imerso e em seguida agitado e sonicado por 5 e 10 minutos respectivamente. Posteriormente, o lavado será submetido à filtração em filtro Millipore® de 0,45 μm e a membrana cultivada em meio apropriado para o crescimento aeróbio e anaeróbio das bactérias e fungos. Para a identificação dos microrganismos, serão utilizados testes bioquímicos e kits de identificação disponíveis comercialmente no mercado. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)