Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação sobre adesão ao tratamento medicamentoso em pacientes com transtorno afetivo bipolar

Resumo

O Transtorno Afetivo Bipolar (TAB) é uma condição crônica que afeta cerca de 1,6% da população e representa uma das principais causas de incapacitação no mundo. O uso de medicamentos consiste em uma realidade necessária ao paciente com TAB. Entretanto, teoria e prática têm mostrado que nenhum problema é tão mais frequente quanto a dificuldade que o mesmo tem para seguir o tratamento, o que ocasiona falta de controle da doença, aumento de internações evitáveis e no custo dos cuidados de saúde. Assim, os objetivos deste estudo são verificar a adesão de pessoas com TAB à terapêutica medicamentosa; identificar as possíveis causas de adesão e não adesão e avaliar a satisfação de uma parcela destes pacientes em relação à equipe de saúde e terapêutica medicamentosa. Constará da amostra todos os pacientes com TAB que tiveram sua consulta médica agendada em um Núcleo de Saúde Mental do interior paulista no período de um de janeiro a 30 de junho de 2007 e que preencherem os critérios de inclusão do estudo. A coleta dos dados será realizada por meio de entrevista com aplicação do Teste de Morisky-Green e de um instrumento elaborado pela pesquisadora. Para análise dos dados será utilizada abordagem quali-quantitativa. Os dados quantitativos serão digitados no programa Excel e, posteriormente, analisados no programa Statistical Package for the Social Science (SPSS, versão 11.5). A análise dos dados qualitativos irá se embasar nos passos propostos por Minayo (1999). Este estudo permitirá um salto na implementação de estratégias de intervenção nos serviços de saúde direcionadas à utilização racional dos medicamentos por pessoas com TAB bem como à qualidade da assistência a essa clientela. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)