Busca avançada
Ano de início
Entree

Crédito hipotecário em São Paulo: séries históricas (1865-1914)

Resumo

Analisaremos o mercado de crédito hipotecário e as condições de financiamento para a província de São Paulo em três regiões distintas: Vale do Paraíba (Lorena), Oeste (Ribeirão Preto) e São Paulo. A partir do levantamento dos livros de registros de hipotecas destes municípios será possível formar um amplo quadro acerca do mercado creditício da província entre 1865 e 1914. Essa documentação decorreu da legislação hipotecária de 1864-65 que regulamentou o funcionamento desse mercado. Existem poucos estudos já efetuados sobre o tema e, em geral, apontam a importância do crédito bancário, principalmente a participação de determinados bancos; como, por exemplo, o Banco do Brasil. Todavia, grande parte do financiamento concedido naquela época ocorria por meio de outras fontes - pessoas físicas (denominadas de "capitalistas") e casas comerciais. Assim, a estratégia de pesquisa das hipotecas possibilita o alargamento do nosso entendimento desse mercado. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RENATO LEITE MARCONDES; JEFFERSON BERTOLAI. Crédito e Agricultura: hipotecas rurais em Ribeirão Preto (1895-1905). História, v. 39, . (20/04324-9, 07/00429-6)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.