Busca avançada
Ano de início
Entree

Isolamento, caracterizacao e analise de polimorfismos na regiao promotora da enzima (stearoyl-coa-desaturase) em bufalas leiteiras.

Resumo

A atividade biológica do ácido linoléico conjugado (CLA) em seres humanos está diretamente relacionada à prevenção e tratamento de várias doenças, principalmente o câncer. A maior fonte natural de CLA disponível para o consumo é o leite produzido por ruminantes, em função da síntese endógena que ocorre na glândula mamária destes animais pela ação da enzima Stearoyl Coa Desaturase sobre o ácido Vacênico circulante. Neste contexto, o leite de búfalas (Bubalus bubalis) possui elevadas concentrações de CLA. Considerando possíveis variações genéticas entre animais quanto à capacidade de sintetizá-lo, e que, parte destas variações é devido a diferenças nos níveis de expressão e atividade da SCD nos tecidos da glândula mamária, o objetivo do presente projeto é caracterizar a região promotora do gene desta enzima em bubalinos e identificar a existência de possíveis polimorfismos nesta região, verificando assim, sua influência nos teores de CLA produzidos. O conhecimento proporcionado pelo uso destas técnicas de biologia molecular, aliado a métodos de melhoramento genético animal, poderá disponibilizar informações para programas de seleção assistida de reprodutores com genótipo favorável a esta característica, aumentando o valor nutritivo do leite bubalino, proporcionando benefícios à saúde humana e conseqüentemente maiores retornos de âmbito socioeconômico para a atividade na pecuária leiteira desta espécie. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)