Busca avançada
Ano de início
Entree

Efetividade do treinamento aeróbio nos sintoma adversos relacionados à quimioterapia durante o tratamento: ensaio controlado e aleatorizado com avaliação econômica

Processo: 23/07735-8
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2024 - 31 de janeiro de 2026
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Adriana Claudia Lunardi
Beneficiário:Adriana Claudia Lunardi
Instituição Sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão. Universidade Cidade de São Paulo (UNICID). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Gisela Cristiane Miyamoto
Assunto(s):Fisioterapia respiratória  Exercício  Hospitalização  Oncologia  Treinamento aeróbio  Quimioterapia  Ensaio clínico controlado aleatório 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Exercício | fisioterapia | Hospitalização | Oncologia | quimioterapia | Fisioterapia Respiratória

Resumo

Uma das estratégias para prevenir os efeitos adversos advindos do tratamento com quimioterápicos é a realização de exercícios físicos durante a vigência do tratamento. Porém, ainda não há consenso sobre o melhor tipo e intensidade de exercício, nem de quando ele deve ser iniciado. A maioria dos estudos tem sido realizados em pacientes com câncer de mama, geralmente algumas semanas após o início da quimioterapia, de forma ambulatorial, duas a três vezes por semana. Os principais diferenciais do nosso estudo são: a execução do treinamento físico em pacientes hospitalizados para a realização do ciclo de quimioterapia para tratamento de câncer, esse treinamento ser realizado cinco vezes por semana e não estar restrito a um tipo específico de câncer. Objetivos: Avaliar os efeitos de um treinamento aeróbio nos sintomas relacionados à quimioterapia (náusea, vômito, astenia e sensação de fraqueza), fadiga, mobilidade, complicações clínicas e tempo de hospitalização dos pacientes durante o ciclo do tratamento medicamentoso, os efeitos adversos do treinamento aeróbio e a implementação da intervenção proposta além de também avaliar a custo-efetividade desta intervenção. Métodos: Ensaio controlado e aleatorizado, com avaliação cega que incluirá 94 pacientes com câncer que estiverem hospitalizados para realização de um ou mais ciclos de quimioterapia. O grupo intervenção realizará treinamento aeróbio durante a vigência de um ciclo de quimioterapia. Já o grupo controle receberá uma cartilha com orientações para se manter ativo durante o período de hospitalização. Os grupos serão comparados por meio do Modelo Linear Misto, quanto à fadiga e mobilidade antes e após a intervenção. O tempo de internação hospitalar também será comparado entre os grupos por análise de sobrevivência de Kaplan-Meier. A incidência de sintomas relacionados à quimioterapia e de complicações serão comparadas pelo teste qui-quadrado. Análises de custo-efetividade e custo-utilidade serão realizadas para o impacto do exercício e anos de vida ajustados pela qualidade (QALYs) através dos ensaios de qualidade de vida EQ-5D-3L21. As variáveis de implementação serão analisadas pela frequência. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)