Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise genética e caracterização genômica de bactérias multirresistentes: isolamento de bacteriófagos e desenvolvimento de vacinas para uso na terapia antimicrobiana

Processo: 22/16872-6
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2023 - 31 de agosto de 2025
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Maria Cristina da Silva Pranchevicius
Beneficiário:Maria Cristina da Silva Pranchevicius
Instituição Sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Anderson Ferreira da Cunha ; André Pitondo da Silva ; Louise Teixeira Cerdeira
Assunto(s):Genética molecular  Bacteriófagos  Desenvolvimento de vacinas  Infecções oportunistas  Caracterização genética  Genômica  Genomas  Proteoma  Terapêutica 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Bactérias oportunistas | Bacteriófagos | Caracterização Genética e Genômica | Genoma e Proteoma Subtrativos | Vacinas e Drogas Terapêuticas | Genética Molecular

Resumo

A crescente disseminação global de bactérias multiresistentes (MDR) combinada com a falta de novos antibióticos, representam uma ameaça iminente aos protocolos de prevenção e tratamento de infecções. Deste modo, há uma necessidade urgente de uma melhor compreensão do potencial patogênico, dos perfis genético e genômico de cepas MDR, e de estudos que possam contribuir para o desenvolvimento de novas opções terapêuticas, capazes de controlar as infecções ocasionadas por essas bactérias. Neste estudo, através de técnicas moleculares, do sequenciamento genômico completo e de análises de bioinformática, pretendemos caracterizar o perfil de resistência e virulência de bactérias das espécies Klebsiella pneumoniae e Klebsiella oxytoca MDR, isoladas de pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva. Utilizando técnicas de proteômica subtrativa e vacinologia reversa, buscaremos potenciais alvos de drogas e candidatos a vacina que possam ser usados contra Enterobacter cloacae, um patógeno oportunista encontrado em ambientes hospitalares. Realizaremos a clonagem, expressão e purificação de uma vacina multiepítopo contra S. marcescens em sistema de expressão em insetos e E. coli. Em adição, pretendemos isolar e caracterizar fagos líticos que futuramente possam ser usados em aplicações terapêuticas e sanitárias contra S. marcescens e K. oxytoca. Nossos estudos fornecerão informações importantes que podem contribuir para o controle da evolução e disseminação desses patógenos, e podem trazer um acréscimo ao desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas contra bactérias MDR com alta relevância clínica. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)