Busca avançada
Ano de início
Entree

Repercussões da exposição materna a nanoplásticos e ftalatos: aspectos maternos e susceptibilidade a oncogênese prostática em ratos

Processo: 22/12304-3
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2023 - 30 de abril de 2025
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Embriologia
Pesquisador responsável:Wellerson Rodrigo Scarano
Beneficiário:Wellerson Rodrigo Scarano
Instituição Sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesquisadores associados: Glaura Scantamburlo Alves Fernandes ; Jodi Flaws ; Josias Rodrigues
Bolsa(s) vinculada(s):24/02800-9 - Manutenção, bem -estar e tratamento animal no ambiente experimental controlado, BP.TT
Assunto(s):Toxicologia  Ftalatos  Nanoplásticos  Transformação celular neoplásica  Proteômica  Próstata  Neoplasias da próstata  Modelos animais 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:ftalatos | Nanoplásticos | Oncogênese | Próstata | proteômica | toxicologia do desenvolvimento | Toxicologia do Desenvolvimento

Resumo

O problema do plástico é um dos maiores desafios de saúde pública do planeta. Pesquisas mostraram que a produção global de plástico foi de 400 milhões de toneladas em 2015, e segundo estimativas, 12 bilhões de toneladas de resíduos plásticos devem ser produzidos em 2050. Quando os plásticos entram no meio ambiente, eles se degradam para formar microplásticos (MPs) e nanoplásticos (NPs) que penetram no corpo através da respiração, da ingestão de água e alimentos contaminados e da pele. Os ftalatos são aditivos plásticos, que não estão covalentemente ligados ao polímero, e então, são facilmente liberados no meio ambiente. O microambiente intrauterino têm sido alvo de importantes alterações devido a interferência de fatores ambientais que podem gerar consequências tardias. Devido a extrema importância do assunto, e diante de dados inéditos ainda não publicados (em anexo) mostrando que a exposição perinatal a uma mistura de ftalatos (MFs), aumentaram em 40% a incidência de adenocarcinomas in situ na próstata de ratos senis, este projeto visa: 1- investigar o perfil proteômico da próstata ventral (PV) de ratos senis expostos a MFs em diferentes concentrações, visando comparar os dados com resultados obtidos para animais jovens e adultos (estudo anterior); 2- analisar o perfil proteômico da próstata de ratos adultos expostos no período perinatal a MFs e NPs; 3- realizar estudo do microbioma intestinal dos animais tratados nos diferentes grupos; 4- realizar teste de exposição crônica para "carcinogênese in vitro", em células PNT-2 prostáticas humanas normais imortalizadas, com exposição a MFs em monoesteres e aos nanoplásticos (NP), para avaliação de genes e miRNAs diferencialmente expressos, selecionados de estudos in vivo e TCGA (The Cancer Genome Atlas). Para o estudo in vivo, ratas prenhes SD serão distribuídas em 5 grupos experimentais: G1: (controle; veículo); T1: 20µg/kg/dia MF; T2: 200mg/kg/dia MF; T3: NPs; T4: 20µg/kg/dia MF + NPs; T5: 200mg/kg/dia MF + NPs. O tratamento será feito por gavage do dia gestacional 10 (DG10) ao dia pós- natal 21 (DPN21). Serão utilizadas nanoesferas de poliestireno de 50-80 nm na concentração de 1,0 mg/kg. Para o estudo in vitro, as células serão expostas a MFs e NPs continuamente, por 15 e 30 passagens. Para as análises proteômicas, as amostras serão analisadas por espectrometria de massas (LC-Ms/Ms). Para as análises de expressão gênica, as amostras serão analisadas por RTq-PCR. Serão avaliados, 'in silico", o papel dos alvos encontrados em processos biológicos, funções moleculares e componentes celulares, além da construção de redes de interação para alvos diferencialmente expressos. A análise do microbioma fecal será baseada na análise de sequências de amplicons de reação em cadeia da polimerase de amostras de fezes. Estudos como este, podem fomentar discussões sobre políticas públicas relacionadas à produção, dispersão e reutilização do plástico no mundo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)