Busca avançada
Ano de início
Entree

Impacto da cavidade de acesso endodôntico conservadora no comportamento biomecânico de pré-molares superiores com lesões cervicais não cariosas restaurados com diferentes materiais

Processo: 22/14927-8
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2023 - 28 de fevereiro de 2025
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Fabiane Carneiro Lopes Olhê
Beneficiário:Fabiane Carneiro Lopes Olhê
Instituição Sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Jardel Francisco Mazzi Chaves ; Manoel Damiao de Sousa Neto
Assunto(s):Restauração dentária  Dente não vital  Cavidade pulpar 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:cavidade de acesso conservadora | Lesão cervical não cariosa | restauração de dentes tratados endodonticamente | Restauração de dentes tratados endodonticamente

Resumo

A proposta deste estudo será avaliar o impacto da cavidade endodôntica conservativa na resistência à fratura e no padrão de falha de pré-molares superiores com lesões cervicais não cariosas (LCNC) em forma de cunha restaurados com diferentes materiais restauradores. Cem pré-molares superiores serão selecionados e distribuídos de acordo com a cavidade endodôntica de acesso: controle (hígido) (n=10), controle com LCNC (n=10), LCNC com cavidade endodôntica convencional (CC) (n=40) e LCNC com cavidade endodôntica conservadora (CEC) (n=40). LCNCs em forma de cunha serão preparadas na região vestibular. As CC e CEC serão realizadas usando de brocas 1014 HL e Endo Z e inserto ultrassônico E7D. Os dentes serão instrumentados com sistema Reciproc Blue seguindo as orientações do fabricante. Os espécimes serão obturados com cimento à base de resina epóxica e cone único, e restaurados com material provisório. Após o preparo biomecânico e obturação, nova aleatorização será realizada em relação ao material restaurador (n=10): controle (material restaurador provisório), resina composta convencional, resina composta bulk fill regular e resina composta bulk fill fluida associada a resina composta convencional. Após 7 dias os dentes serão restaurados de acordo com seus respectivos grupos utilizando resina composta convencional por meio da técnica incremental, resina composta bulk fill regular em incremento único e incremento único de resina composta bulk fill fluida com camada de resina composta convencional. As amostras serão submetidas à termociclagem e carregamento cíclico. Uma carga compressiva de 45o será aplicada no plano palatino da cúspide vestibular até a fratura do dente. A resistência à fratura e os padrões de falha serão analisados usando análise de variância e teste qui-quadrado (±=0,05), respectivamente. Ainda, serão selecionados 1 pré-molar superior hígido, 1 com LCNC, e 1 de cada tipo de acesso (convencional e conservativo) representativos dos dentes avaliados, os quais serão escaneados em microtomógrafo e reconstruídos. Serão gerados modelos tridimensionais das condições de acesso endodôntico e dos materiais restauradores para análise pelo método de elementos finitos. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)