Busca avançada
Ano de início
Entree

Otimização do sistema de produção in vitro de embriões suínos como base para a geração de um modelo suíno geneticamente modificado

Processo: 22/06031-4
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de agosto de 2022 - 30 de abril de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biologia Geral
Pesquisador responsável:Andréa Cristina Basso
Beneficiário:Andréa Cristina Basso
Empresa Sede:Salt Biotechnology Ltda
CNAE: Pesquisa e desenvolvimento experimental em ciências físicas e naturais
Atividades veterinárias
Município: Barretos
Bolsa(s) vinculada(s):22/10948-0 - Otimização do sistema de produção in vitro de embriões suínos como base para a geração de um modelo suíno geneticamente modificado, BP.PIPE
Assunto(s):Biotecnologia  Produção in vitro de embriões  Neoplasias da bexiga  Repetições palindrômicas curtas agrupadas e regularmente espaçadas  Animais geneticamente modificados  Modelos animais  Suínos 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Câncer de Bexiga | Crispr | Meio De Cultivo | Modelo Animal | Pive | Suínos | Biotecnologia

Resumo

A produção in vitro de embriões (PIVE) é uma biotécnica de reprodução empregada de forma comercial e em larga escala apenas na espécie bovina, apesar da possibilidade de aplicação em várias espécies. Na espécie suína a PIVE tem sido utilizada basicamente em pesquisas, com o intuito de aprimorar conhecimentos básicos em fisiologia reprodutiva. Entretanto, a aplicação efetiva nessa espécie possibilita diversas oportunidades, como a produção de embriões suínos geneticamente editados para o estudo de doenças humanas. Para que se tenha sucesso na produção in vitro dos embriões e, posteriormente, na geração de animais geneticamente editados, é fundamental o domínio de todas as etapas da PIVE, sendo elas: 1) maturação in vitro de oócitos (MIV); 2) fertilização in vitro (FIV); 3) cultivo in vitro de embriões (CIV); e 4) criopreservação de embriões. A PIVE de suínos avançou significativamente na última década, todavia, a incidência de anormalidades cromossômicas decorrentes das altas taxas de polispermia em conjunto com a ineficiência dos meios de cultivo disponíveis são apontados como os principais impasses para padronizar e aumentar os índices de desenvolvimento embrionário, bem como a qualidade dos embriões gerados no laboratório. Atualmente, a PIVE suína carece de meios de cultivo específicos, validados e disponíveis comercialmente para essa finalidade. Assim, objetivamos desenvolver e validar meios de cultivo para todo o processo de produção in vitro de embriões suínos, desde a maturação oocitária até o congelamento embrionário. Ademais, através do desenvolvimento e validação de protocolos mais eficientes e padronizados, em conjunto com meios de cultivo ideais para produção de embriões suínos, a empresa SALT BIOTECH além de acrescentar um novo produto ao seu portfólio, também poderá capitalizar totalmente o poder de novos métodos, como a geração de suínos geneticamente modificados. Para isso, pensando em um primeiro modelo, propomos também desenvolver in silico os componentes necessários para a futura produção de um modelo suíno inovador para o estudo do câncer de bexiga, no qual serão knockouteados os conhecidos supressores tumorais PTEN e CDKN2A. O projeto será realizado em sua totalidade na empresa SALT BIOTECH e o trabalho proposto será dividido em 2 experimentos: produção e validação de meios de cultivo para PIVE suína e desenho e validação in silico de plasmídeos CRISPR e RNAs guia para realizar o knockout dos genes alvo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)